O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. OKE / aq4 arquitectura

OKE / aq4 arquitectura

OKE / aq4 arquitectura
OKE / aq4 arquitectura, © Adrià Goula Sardà
© Adrià Goula Sardà

© Adrià Goula Sardà

Pré-existências
OKE é a nova Casa de Cultura de Ortuella, na antiga zona mineira de Vizcaya, onde já não há mais extrações de sulfato de ferro. Os vales que antes recebiam as dunas de areias oxidadas, contidas entre estruturas de concreto, foram apagados, sem deixar vestígios.

© Adrià Goula Sardà

O lote é extremamente interessante, onde a rua principal e uma praça podem se unir. O projeto olha de lado a lado através de uma estrada, tangencialmente na medida do possível, para ver e ser visto a partir de uma grande distância.

© Adrià Goula Sardà

É uma estrutura que alterna pilares com vãos de 380 e 750 centímetros para facilitar atividades variáveis e de armazenamento. Cada vão define uma seção separada, com um movimento de fachada. Desde a topografia do vale, as coberturas se mostram como mais uma fachada, e são resolvidas como tais.

© Adrià Goula Sardà

“Sabíamos que a escala de infra-estruturas subterrâneas, como emergiu como um todo, seria de um material oxidado. O material não pode ser outro do que aquele da memória. Queríamos construir algo que estava lá muito antes das intervenções novas”

Intenções
Locar o edifício perpendicularmente à via principal de Ortuella, para se observar todo o vale. Uma vista tangencial, com o objetivo de ver e ser visto desde grandes distâncias.

© Adrià Goula Sardà

Conectar a praça de Otxartaga, o espaço mais significativo da comunidade, com a rua Catalina Gibaja. Aproveitar esta oportunidade para que a nova Casa de Cultura estenda a praça até a rua, e a rua até a praça.

Planta pavimento 1 Casa Cultura 01

Moldar a volumetria que define o edifício para responder aos diferentes níveis topográficos que delimitam o lugar: inclinar as coberturas coletando o nível da praça existente e saltando visualmente à outra vertente do vale, acenando para o novo lado que a cidade deve se desenvolver e pretende começar a desfrutar. Completar uma nova rota urbana onde os espaços exteriores existentes conectam-se com os diferentes níveis de atividade: calçada – biblioteca, calçada – praça, praça – espaços multiusos, rua – espaço de exposições.

© Adrià Goula Sardà

Trabalhando com a topografia forte para definir dois acessos diferentes respondendo duas utilizações que definem o programa. Elevando a entrada do estacionamento desde a existente na praça,  permite dar acesso direto ao nível da rua Catalina Gibaja (altura 0,00 m) e às atividades relacionadas com a Casa da Cultura: o movimento, circulação, eventos, entre outros. A cota de 6,60m dá acesso à Biblioteca, lugar de silêncio e concentração. Rodeando o edifício, pode-se ter a leitura dos dois programas, permitindo que funcionem individualmente ou organizados em horários ou atividades diferentes.

© Adrià Goula Sardà

Permitir que a Sala Multiuso possa funcionar de forma autônoma, dispondo de um acesso, na cota de 3,35m que, como parte da nova praça, possa desenvolver atividades ainda que o resto do edifício esteja fechado.

Corte 04

Definir o espaço livre, espaço preenchido com uma sucessão de rampas de diferentes larguras onde o programa vá ocupar um lugar. Permitir uma organização flexível, equipando os espaços com serviços de apoio, para que sirvamo aos usos previsíveis e imprevisíveis da Casa de Cultura.

© Adrià Goula Sardà

 

Ficha técnica:

  • Arquitetos:aq4 arquitectura
  • Ano: 2011
  • Área construída: 3472 m²
  • Endereço: Calle Catalina Gibaja 10. Ortuella Vizcaya Espanha
  • Tipo de projeto: Cultural
  • Status:Construído
  • Materialidade: Metal e Concreto
  • Estrutura: Concreto
  • Localização: Calle Catalina Gibaja 10. Ortuella, Vizcaya, Espanha
  • Implantação no terreno: Isolado

Equipe:

  1. Arquitetos: aq4 arquitectura
  2. Equipe: Ibon Bilbao, Jordi Campos Garcia, Caterina Figuerola Tomás, Carlos Gelpí Almirall
  3. Colaboradores: Iván Pena, Alberto Berga, Javier González, Albert Duque, María Ruiz, Mónica Molas, Alessandra Sirianni
  4. Cliente: Ayuntamiento de Ortuella

Sobre este escritório
aq4 arquitectura
Escritório
Cita: Eduardo Souza. "OKE / aq4 arquitectura" 22 Out 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/77035/oke-aq4-arquitectura> ISSN 0719-8906