O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Arquitetura Cultural
  4. Austrália
  5. Collins and Turner
  6. 2013
  7. Centro da Juventude Waterloo / Collins and Turner

Centro da Juventude Waterloo / Collins and Turner

  • 18:00 - 15 Fevereiro, 2014
  • Traduzido por Pedro Vada
Centro da Juventude Waterloo / Collins and Turner
Centro da Juventude Waterloo / Collins and Turner, © Richard Glover
© Richard Glover

© Richard Glover © Paul Bradshaw © Paul Bradshaw © Paul Bradshaw + 27

© Richard Glover
© Richard Glover

Descrição enviada pela equipe de projeto. Encomendado pela cidade de Sydney, o edifício revitalizado é um novo ícone dinâmico de arquitetura comunitária.

© Paul Bradshaw
© Paul Bradshaw

O edifício foi transformado em um complexo de boas-vindas e em ambiente de trabalho comunitário para Weave.

© Richard Glover
© Richard Glover

O edifício remodelado tornou-se também uma extensão da paisagem ao redor, combinando arquitetura e horticultura de uma maneira única e possibilitando assim a criação de uma forma escultural que enche de vida a região sul do terreno de Waterloo Oval.

Quando possível, elementos da estrutura existente foram recuperados e reutilizados no projeto, agora com foco na criação de um novo pátio central, coroado pela inovadora estrutura do telhado.

O teto-jardim, que também se converte em paisagem, é coberto por um dramático toldo de aço, estruturado de forma a suportar a variedade de plantas trepadeiras e frutíferas. O toldo tem o formato de uma estrela plana – os vértices da estrela marcam a entrada e as áreas recém construídas com janelas, situadas nos quatro cantos do edifício.

Isométrica explodida
Isométrica explodida

O edifício também é parcialmente enterrado, devido a ajustes sutis nos níveis do terreno adjacente, o que reduz seu tamanho aparente.

© Paul Bradshaw
© Paul Bradshaw

À medida que as plantas amadurecem e crescem através do toldo, o edifício se funde gradualmente com o entorno, adquirindo um formato abstrato e escultural que funciona como um marco no limite do parque, misturando-se visualmente com o dossel das árvores próximas.

© Richard Glover
© Richard Glover

O desenho do edifício foi inspirado em diversas fontes, entre elas os fortes celtas revestidos de grama em Wales, construídos na Idade do Ferro; o aviário do zoológico de Londres, projetado por Cedric Price; e o trabalho de John Krubsack, um naturalista americano que realizava experimentos onde esculpia formas através de enxertos, criando assim a primeira “cadeira natural”, plantada ao invés de construída.

Corte Norte Sul
Corte Norte Sul

Os ângulos pouco usuais do edifício evocam tanto as dobraduras do Origami quanto as superfícies triangulares de aviões e barcos furtivos.

© Paul Bradshaw
© Paul Bradshaw

O interior é organizado como um catavento em torno do pátio central e inclui um espaço de trabalho extenso, planejado para 14 equipes de apoio.

Uma área de recepção, duas salas de aconselhamento, sala de repouso, escritório da gerência, quitinete e um complexo reduzido destinado a atendimento médico completam o programa. Elementos de marcenaria integrados e instalações para equipe de apoio subdividem o espaço e as funções.

Planta do Subsolo
Planta do Subsolo

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Centro da Juventude Waterloo / Collins and Turner" [Waterloo Youth Center / Collins and Turner] 15 Fev 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Vada, Pedro) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/177193/centro-da-juventude-waterloo-slash-collins-and-turner> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.