O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Centro De Artes Visuais
  4. Austrália
  5. Austin Maynard Architects
  6. 2012
  7. Nebula / Andrew Maynard Architects

Nebula / Andrew Maynard Architects

  • 15:00 - 8 Fevereiro, 2014
  • Traduzido por Isabela Costa
Nebula / Andrew Maynard Architects
Nebula / Andrew Maynard Architects, Cortesia de Andrew Maynard Architects
Cortesia de Andrew Maynard Architects

© Nic Granleese Cortesia de Andrew Maynard Architects © Nic Granleese © Nic Granleese + 48

Diagrama de Coberturas
Diagrama de Coberturas

"Nebula é uma revolução no design inclusivo. Como primeiro espaço de artes portáteis da Austrália criado segundo as necessidades de artistas com deficiência no cerne de seu projeto, o estúdio Nebula se adapta à arte e aos artistas. Ao colocar as necessidades e intenções dos artistas no centro de sua função, Nebula pode ser transformada em uma galeria, espaço de oficina / seminário ou espaço de artes performáticas.

© Nic Granleese
© Nic Granleese

Em cada capacidade, a Nebula acomoda qualquer tipo de trabalho criativo produzido por artistas com deficiência, oferece oportunidades para a criação de trabalhos site-specific, e pode ser utilizado como ponto de encontro comum. Através deste espaço, os artistas com deficiência pode injetar seu trabalho na comunidade de artes tradicionais." -  Arts Acesso Victoria

Cortesia de Andrew Maynard Architects
Cortesia de Andrew Maynard Architects

Resumo

Um cômodo da velha escola no exterior-suburbano de Dingley ficava o estúdio dos artistas Day Art South. 12 artistas, cada um com uma deficiência intelectual, e 4 mentores de arte estavam produzindo uma arte maravilhosa em ambientes banais, isolados de todos os outros grupos e organizações de arte. Para artistas como Howard Arkaley e Jeffrey Smart os subúrbios são  sua musa, pois os artistas Art Day South tem um ponto suburbano singular isolado e os marginaliza. Como tantas pessoas com deficiência, os artistas de Art Day South foram relegados para a margem da nossa cultura.

© Nic Granleese
© Nic Granleese

Eles desejavam ser parte da cena ativa e próspera da arte em Melbourne, mas, acima de tudo, eles queriam ser participantes ativos na vida dominante. Para fazer isso Art Day South precisava de um espaço. Um espaço onde eles pudessem trabalhar. Um espaço onde eles pudessem executar. Um espaço onde eles pudessem explorar. Explorar não só seu trabalho, mas também a perspectiva mais ampla. Como é que vamos trabalhar em um parque ou desenhar no mato? Era necessário um espaço adaptável, seguro, inclusivo e flexível. Foi desta necessidade, deste desejo, desta visão, que Nebula nasceu.

Cortesia de Andrew Maynard Architects
Cortesia de Andrew Maynard Architects

Projeto

16 projetos maravilhosos foram recebidos dos artistas de Art Day South. Todos notáveis em sua própria maneira. Todos poderosamente coloridos. Um em particular evocou uma resposta emocional inesperada. O projeto de Bob ilustrou uma forma retangular cinza simples sobre rodas com uma pessoa segurando uma pequena porta aberta para nós para espiarmos dentro. Ali, dentro da caixa cinza banal, havia cor, luz e energia. Ali dentro estava o sol e a vida. Do lado de fora você não diria que tal beleza se encontrava ali encerrada e só através de um convite podemos ver uma pequena parte da maravilha que a modesta caixa cinza continha.

Cortesia de Andrew Maynard Architects
Cortesia de Andrew Maynard Architects

Nebula é uma caixa cinza modesta, quase banal. Quando os artistas encontram um lugar para trabalhar, ou um ambiente onde eles queiram se envolver, a caixa cinza se abre e floresce. Paredes se tornam pisos. Toldos coloridos descendem de cima do teto para conter o espaço inteira ou parcialmente. O nível de abertura ao exterior e a forma com que a Nebula se relaciona com o seu contexto são ditados pelo desejo dos artistas. Este é um território controlado pelos artistas, controlado por pessoas com deficiência.

© Nic Granleese
© Nic Granleese

Queremos explorar a Nebula e interagir com seus artistas, no entanto, ela pertence aos artistas, que são capazes de escolher o nosso nível de engajamento. Nossa inclusão é ditada por aqueles que, muitas vezes, são deixados de fora. Os artistas estão agora no centro e estão agora no controle deste território rico e fértil.

© Nic Granleese
© Nic Granleese

Apesar de não dito, o acesso de todos pode ser visto por alguns como um fator limitante ou comprometedor na busca de design criativo e aventureiro. Nós (o cliente, o fabricante, os usuários, o arquiteto) tomamos toda limitação percebida e a invertemos. O acesso e inclusão não são apenas celebrados, são catalisadores do projeto.

© Nic Granleese
© Nic Granleese

Sustentabilidade

A Nebula é construída a partir de alumínio, o material mais facilmente dentre os metais. Também é extremamente leve, o que significa que este espaço surpreendentemente grande pode ser transportado por um veículo padrão. Não há necessidade de máquinas pesadas ou veículos que gastam combusível em excesso.

© Nic Granleese
© Nic Granleese

A estrutura e os materiais são deliberadamente substituíveis. Este é um ambiente criativo e pode, portanto, ser enérgico. O tecido pode ser rasgado, o piso de madeira pode ficar significativamente danificado; painéis de alumínio serão amassados. Todos estes materiais são fragmentados e facilmente substituíveis. Nenhum grande esforço ou recurso será necessário para consertar ou reparar. Nebula é projetada para ter recursos eficientes e por essa lógica altamente sustentável para um veículo rodoviário.

Diagrama 4
Diagrama 4

No teto há um painel solar, no chão é armazenada a bateria. A Nebula pode coletar sua própria energia e trabalhar por mais de 4 horas a noite com projetores e iluminação noturna com potência total.

Cortesia de Andrew Maynard Architects
Cortesia de Andrew Maynard Architects

A Nebula nunca seria feita de madeira reciclada, também o veículo que o rebocou seria movido a hidrogênio, no entanto, Nebula é uma estrutura altamente eficiente construída para uma vida longa adaptável, tornando-a um veículo rodoviário altamente sustentável.

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Austin Maynard Architects
Escritório
Cita: "Nebula / Andrew Maynard Architects" [Nebula / Austin Maynard Architects] 08 Fev 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Costa, Isabela) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/175179/nebula-slash-andrew-maynard-architects> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.