O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Áustria
  5. Juri Troy Architects
  6. 2010
  7. Residência Sunlight/ Juri Troy Architects

Residência Sunlight/ Juri Troy Architects

  • 18:00 - 25 Janeiro, 2014
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Residência Sunlight/ Juri Troy Architects
© Adam Mork
© Adam Mork

© Adam Mork © Adam Mork © Adam Mork © Adam Mork + 17

  • Análise Estrutural

    Merz Kley und Partner
  • Edificação e Construção Ecológica

    IBO - Österreichisches Institut für Baubiologie und Bauököloge (Verein) und IBO GmbH
  • Suporte Técnico & Conceito de Energia

    Donau-Universität Krems
  • Principal responsável pela construção em Madeira

    Kaspar Greber
© Adam Mork
© Adam Mork

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Sunlighthouse Velux em Pressbaum aos arredores de Viena é a primeira residência unifamiliar de co²-neutro na Áustria. Ela foi finalizada no final de outubro de 2010. O projeto começou há dois anos pela empresa Velux como sendo parte de seu experimento Pan European, o chamado projeto "casa modelo 2020". Seu objetivo é desenvolver, construir e analisar seis diferentes casas em cinco países europeus, cada um seguindo seu próprio enfoque na construção progressiva e sustentável.

© Adam Mork
© Adam Mork

O desafio da casa modelo austríaca era criar uma residência que aproveitasse todo o potencial do lugar (como as vistas maravilhosas, a exposição à luz solar, máxima privacidade entre as casas existentes...) desenvolvendo o conceito de energia e ecologia para  fazer desaparecer as marcas ecológicas deixadas pela construção da casa dentro dos próximos 30 anos. O que distingue esse projeto de muitos outros projetos ambiciosos anteriores é a necessidade e o desejo de combinar valores numéricos minimizados para a eficiência energética com uma arquitetura ousada.

© Adam Mork
© Adam Mork

Felizmente, os clientes escolheram um lugar ideal para a construção da casa modelo austríaca. Se trata de um estreito e comprido pedaço de terra que desce ao sudeste até uma bonita (mas sombreada) floresta com árvores altas. A parcela está rodeada por uma cerca fechada ao nordeste e um muro alto ao sudoeste. As duas estreitas casas vizinhas situadas em ambos os lados deixam somente uma pequena margem privativa no meio. A maravilhosa vista do lago, que está situado no vale ao leste, só pode ser capturada se descer um pouco abaixo do nível da residência. Em resumo: um conceito de projeto que utiliza o máximo potencial que oferece a localização dever ser levado à cabo se os ambiciosos objetivos do projeto quisessem ser atingidos. Isso faz com que os seus resultados sejam ainda mais preciosos, criando áreas acessíveis em um país montanhoso como a Áustria que raramente oferece condições ideais.

© Adam Mork
© Adam Mork

O conceito de energia do edifício desenvolveu-se em parceira com a Danube University de Krems. O equipamento de construção inclui uma bomba de calor de alta performance, 48 m² de painéis mono cristalinos para a cobertura fotovoltaica, 9 m² de painéis solares térmicos para água quente e um sistema de ar-condicionado com recuperação de calor. O isolamento térmico da superfície da casa é otimizado e as aberturas cumprem com os requisitos das casas passivas. Uma demanda até agora ignorada (na Áustria) era obter o máximo de luz para diminuir a energia consumida pela luz artificial. A quantidade de luz natural que penetra em cada cômodo é ,em média, cinco vezes maior que o padrão habitual. As aberturas do telhado e da fachada foram colocadas estrategicamente para proporcionar vistas impressionantes, para maximizar a energia solar passiva, permitir uma ótima ventilação natural durante o verão e para reduzir ao mínimo as perdas de calor durante o inverno. Na verdade, a porcentagem de superfície envidraçada da Residência Sunlight é de 42%. Como o assoalho do exterior, a instalação interior é feita de madeira de abeto. Para manter brilhante a superfície de madeira e evitar o seu escurecimento, ela foi tratada com óleo natural pigmentado com branco.

Residência Sunlight/ Juri Troy Architects, © Adam Mork
© Adam Mork

Todos os materiais foram avaliados por suas qualidades ecológicas antes de obterem autorização para ser utilizados. Os estudos do Instituto Austríaco para Construção Biológica e Ecológica (IBO) foram utilizados como referência para avaliar o CO² de cada material. O uso de madeira cultivada e processada localmente como principal material para otimizar os valores de CO² explica-se por si próprio, mas como a edificação está localizada em uma colina, também foi necessário o uso do concreto em todos os elementos de construção que tinham contato com a terra. No lugar do cimento Portland comum (que mostra um equilíbrio de CO² bastante pobre) foi utilizado o blast-furmace-slag, um produto derivado da fabricação do aço que possui uma porcentagem de produção de CO² bastante baixa. O material de isolamento aplicado é de lã de ovelha e celulose reciclada.

© Adam Mork
© Adam Mork

Ao final o objetivo foi alcançado. A Residência Sunlight produzirá mais energia do que a construção consumiu e o uso da casa consumirá, o que faz dela um projeto exemplo de planejamento e de construção consciente e sustentável.

Planta Baixa
Planta Baixa

Ver a galeria completa

Cita: "Residência Sunlight/ Juri Troy Architects" [Sunlighthouse / Juri Troy Architects] 25 Jan 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/170677/residencia-sunlight-slash-juri-troy-architects> ISSN 0719-8906