O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Hotel
  4. Áustria
  5. hohensinn architektur
  6. 2009
  7. Domplatz / hohensinn architektur

Domplatz / hohensinn architektur

Domplatz / hohensinn architektur
© Paul Ott photografiert
© Paul Ott photografiert

© Paul Ott photografiert © Paul Ott photografiert © Paul Ott photografiert © Paul Ott photografiert + 19

  • Direção do Projeto

    Josef Hohensinn, Karlheinz Boiger
  • Gerenciamento de Projeto

    Erich Ganster, Helmut Lanz
  • Análise Estrutural

    DI Weilhartner ZT GmbH, Ried / Innkreis
  • Site supervision

    Site supervision
  • Serviços de Construção/ supervisão

    TB Freunschlag GmbH, Linz
  • Projeto Cozinha / supervisão

    planquadrat, catering sector engineering office, Haus / Ennstal
  • Cliente

    Diozesane Immobillien-Stiftung (former Stiftung St. Severin)
  • Hotel + Casas 36+38

    4.325 m²
  • Área projetada em Domplatz

    7100 m²
Domplatz / hohensinn architektur, © Paul Ott photografiert
© Paul Ott photografiert

Descrição enviada pela equipe de projeto. A catedral neo-gótica de Mariendom, em Linz,, iniciada em 1855, foi consagrada em 1924, como a maior igreja na Áustria. A praça Domplatz era, em comparação, uma confusão e poderia ser descrita como quase "inacabada", uma vez que a ideia original para liberar todo o quadrilátero entre as ruas Stifter-, Hafner-, Baumbach e Herrenstrasse, através da remoção de todos os edifícios para criação de um parque, nunca foi implementada. Em vez disso, várias intervenções, tais como a criação de jardins frontais privados e a construção de garagens levou a uma situação heterogênea, o que não foi satisfatório do ponto de vista do planejamento urbano e que seria resolvido por meio de um concurso. O último foi também para incluir a construção de um hotel e um estacionamento subterrâneo, bem como a revitalização de dois edifícios barrocos existentes no lado sudoeste da praça.

Uma das ideias fundamentais por trás do projeto era criar uma nova situação de planejamento urbano. A praça Domplatz foi liberada de vários empreendimentos, e o arranjo de grade cruzada da pavimentação dificultava o surgimento de uma direcionalidade dominante de modo a favorecer uma área generosa, neutra, que permitisse uma grande variedade de usos. Na área dos edifícios existentes, por Herrengasse, um conjunto compacto, distinto, com mini-praças e becos, foi criado através de ligações com as ruas circundantes e por meio do posicionamento solitário do novo hotel, concentrando a Domplatz, agora urbanizada, na interface para o coração da cidade, sendo um lugar na praça. Ambas as casas barrocas foram refeitas como eram originalmente, revitalizadas e melhoradas. Eles agora abrigarão apartamentos para estadias longas, um restaurante e instalações para seminários.

© Paul Ott photografiert
© Paul Ott photografiert

O novo hotel é um edifício solitário escultural confiante, por um lado reagindo ao arranjo e extensão vertical de edifícios vizinhos e, por outro, oferecendo uma resposta à estrutura simultaneamente delicada e dominante da catedral. O edifício "flutua" acima da praça, sua massa dissolve-se numa estrutura de concreto, enquanto que a sua morfologia, com dobras na fachada e um perfil tornando-se cada vez mais delgado ao alto, conecta-se com a forma do coro da catedral e sublinha o pequeno conjunto de componentes obtido em conjunto com as construções barrocas existentes. Um átrio em forma de funil, iluminado pelo teto, corta através da edificação do hotel, afastando, assim, estreitos corredores sombrios e repetindo o tema da transparência e abertura no interior. Os quartos são espaçosos e arejados, com esquadrias de piso a teto, oferecendo uma sensação de profundo envolvimento com a catedral e imediações.

Corte
Corte

Ver a galeria completa

Cita: "Domplatz / hohensinn architektur" [Domplatz / hohensinn architektur] 29 Dez 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/163899/domplatz-slash-hohensinn-architektur> ISSN 0719-8906