O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Equador
  5. Diez + Muller Arquitectos
  6. 2012
  7. Casa Los Chillos / Diez + Muller Arquitectos

Casa Los Chillos / Diez + Muller Arquitectos

Casa Los Chillos / Diez + Muller Arquitectos
Casa Los Chillos / Diez + Muller Arquitectos, © Sebastían Crespo Camacho
© Sebastían Crespo Camacho

© Sebastían Crespo Camacho © Sebastían Crespo Camacho © Sebastían Crespo Camacho © Sebastían Crespo Camacho + 18

© Sebastían Crespo Camacho
© Sebastían Crespo Camacho

Descrição enviada pela equipe de projeto. O projeto desta casa parte de uma prévia investigação e entendimento da arquitetura regional da serra equatoriana, e de como ela se confronta a um sistema moderno através da compreensão do lugar, tectônica e espaço de cada um, criando assim uma tensão entre os dois sistemas.

© Sebastían Crespo Camacho
© Sebastían Crespo Camacho

Primeiro estão os elementos arquitetônicos e espaciais tradicionais como o pátio, as paredes, o pórtico e o talude. Ao mesmo tempo, a planta livre e o espaço contínuo são conceitos modernistas que contrastam com os elementos previamente mencionados. A paleta de materiais aborda a pedra local, a madeira e a telha como locais endêmicos, e o concreto aparente, o vidro e o aço como modernos. Essa mistura de materiais não apenas expressa uma ideia formal, mas também estrutural e construtiva que permite reforçar o argumento.

© Sebastían Crespo Camacho
© Sebastían Crespo Camacho

Num terreno de aproximadamente 2 hectares e com uma inclinação importante, a casa é implantada na parte mais alta da parcela para o aproveitamento das vistas privilegiadas. Em planta, a casa se resolve linearmente, aproveitando as vistas de todos os ambientes. O que se torna importante é a solução em corte: resolvendo a entrada pela parte superior do terreno, permitindo acesso à área social, cozinha e varanda, e assim, as áreas mais privadas e dormitórios estão localizados no pavimento inferior. 

© Sebastían Crespo Camacho
© Sebastían Crespo Camacho

A casa se estratifica em duas zonas. A base de pedra e a caixa superior de vidro. A base é uma parede de pedra portante, onde se distribuem as áreas privadas da casa no terreno, e o que contém a terra escavada para seu assentamento. Em alguns lugares aparece à vista em sua totalidade, enquanto que em outros, se encontra semi-enterrada e parece surgir do solo. Na parte posterior e entrada da casa, um grande corte na terra gera um pátio enterrado que serve principalmente para iluminar e ventilar as áreas dos dormitórios no pavimento inferior, mas que ao mesmo tempo se converte num dos espaços de referência mais importantes da casa. Este está contido por uma parede de concreto armado, que contrasta frente a frente com a de pedra, criando assim uma das tensões entre os dois sistemas.

© Sebastían Crespo Camacho
© Sebastían Crespo Camacho

A chegada à casa se dá através de uma ponte de aço e vidro que intersecta a parede de pedra, e abre o espaço à uma grande nave de aço e vidro que ocupa as áreas sociais da casa no andar de cima. Sobre esta nave repousa uma cobertura tradicional de telhas de barro.

© Sebastían Crespo Camacho
© Sebastían Crespo Camacho

Por fim, os acabamentos da casa são compostos de materiais simples como o concreto alisado e a madeira nos pisos, concreto nas paredes, madeira na cobertura, entre outros. A leveza do volume superior de vidro é evidente sobretudo a noite, quando a luz artificial ressalta sua permeabilidade e expõe a grande nave da cobertura que é justaposta com o volume monolítico da base em que se apoia.

Corte
Corte

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Diez + Muller Arquitectos
Escritório
Cita: "Casa Los Chillos / Diez + Muller Arquitectos" [Casa Los Chillos / Diez + Muller Arquitectos] 06 Dez 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Santiago Pedrotti, Gabriel) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/158442/casa-los-chillos-slash-diez-plus-muller-arquitectos> ISSN 0719-8906