Centro de Artes Acrobáticas / DX Arquitectos

Centro de Artes Acrobáticas / DX Arquitectos

© Pablo Blanco Barros© Pablo Blanco Barros© Pablo Blanco BarrosCortesia DX Arquitectos+ 37

La Reina, Chile
© Pablo Blanco Barros
© Pablo Blanco Barros

Descrição enviada pela equipe de projeto. O Centro de Artes Acrobáticas pretende, em primeiro lugar, agir como um recipiente cultural na cidade, onde o cidadão seja parte fundamental de seu funcionamento, uma vez que é na relação do usuário com o edifício que este se completa.

© Pablo Blanco Barros
© Pablo Blanco Barros

A proposta baseia-se na união de dois elementos arquitetônicos que receberão as atividades desenvolvidas:

O primeiro elemento é gerado a partir da criação de uma plataforma que busca amarrar a cidade, o exterior, com a topografia existente, "acomodando o solo" para qualificar a mais importante parte de um edifício público - o térreo - de onde partem os percursos que desvendarão o restante da obra.

Corte
Corte

CortesPlanta 2º PisoDetalleFachada Norte+ 37

Em seguida, sobre este suporte criado se apóia o programa específico. Tal bloco responde à necessidade de abrigar a área do palco e os espaços de serviços. Sua expressão volumétrica reflete o gesto de um corpo suspenso. Esta circunferência virtual da 9 metros de raio é o espaço do artista que, unindo expressão e técnica, cria o espetáculo.

© Pablo Blanco Barros
© Pablo Blanco Barros

Cortesia DX ArquitectosCortesia DX Arquitectos© Pablo Blanco Barros© Pablo Blanco Barros+ 37

Os revestimentos deste bloco principal receberam cuidados especiais: sua modulação varia em densidade e materialidade, buscando um reflexo fiel das atividades que ali acontecem e da orientação que estão dispostas. Vale lembrar que pensar em fachadas ventiladas com isolamento adequado para o oeste, buscar luz e ventilação do norte e sul, são premissas comuns de uma arquitetura que se preocupa com a eficiência energética (no Chile).

© Pablo Blanco Barros
© Pablo Blanco Barros

A leste, o bloco se desmaterializa e cria uma situação na qual a 'ausência' toma o centro do palco, acomodando a expressão máxima do edifício: a praça aérea. Este espaço, onde se articulam o bloco e a plataforma, é o lugar onde se faz visível a relação entre o edifício e a paisagem - o lugar público por excelência - onde a proposta ganha sentido criando as relações que a inserem harmoniosamente em um sistema maior de forma e significado .

© Pablo Blanco Barros
© Pablo Blanco Barros

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Corporación Aldea del encuentro, La Reina, Santiago, Chile

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Centro de Artes Acrobáticas / DX Arquitectos" [Centro de las Artes Aéreas / DX Arquitectos] 14 Ago 2013. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/01-133965/centro-de-artes-acrobaticas-slash-dx-arquitectos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.