Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

MAR – Museu de Arte do Rio / Bernardes + Jacobsen Arquitetura

MAR – Museu de Arte do Rio / Bernardes + Jacobsen Arquitetura

© Leonardo Finotti © Leonardo Finotti © Leonardo Finotti © Leonardo Finotti + 35

Rio de Janeiro, Brasil
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  11240.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2013
  • Fotógrafo Fotografias:  Leonardo Finotti
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Deca, Interface, Knauf, Belmetal, Interfacefloor, Levantina, Lumini, Neocom System, Otis, Painel lady, Plaka, Resinfloor, Sapa Building System International NV, Technical Glass Group T2G, Vidro Real
  • Paisagismo: Burle Marx e Cia ltda.
  • Iluminação: Franco + Fortes – Lighting Design
  • Instalações Elétricas E Hidráulicas: ADDAGE Engenharia e Planejamento / Install Ltda.
  • Estrutura: Cerne- Engenharia e Projetos/ GOP – Gabinete de Organização e Projectos
  • Acústica: Roberto Thompson Motta Arquiteto Ltda
  • Ar Condicionado: Clima Engenharia, LTDA.
  • Esquadria E Caixilharia: QMD Consuiltoria
  • Impermeabilização: PROASSP Assessoria e Projetos
  • Instalações De Combate A Incêndio: ML Proteção Contra Incêndio LTDA
  • Sistemas Eletrônicos: Bosco & Associados LTDA
  • Sinalização: Jair de Souza
  • Sonorização: Audium Áudio e Acústica
  • Spda: Instal Engenharia Ltda.
  • Sustentabilidade: CTE inteligência 360º
  • Gerenciamento: Engineering
  • Construção: Concrejato
  • Imagens: Metro ao Cubo
  • Iniciativa : Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro
  • Criação E Realização: Fundação Roberto Marinho
  • Arquitetura De Interiores: Bernardes + Jacobsen Arquitetura
  • Autora (Interiores): Eza Viegas
  • Equipe (Interiores): Isabel Beloniel, Luiza Torres Homem
  • Área Do Terreno: 2300 m²
Mais informações Menos informações
© Leonardo Finotti
© Leonardo Finotti

Descrição enviada pela equipe de projeto. Tivemos como desafio unir três construções existentes de características arquitetônicas distintas com o objetivo de abrigar o Museu de Arte do Rio, a Escola do Olhar, além de espaços para cultura e lazer. O Palacete Dom João, o prédio da Polícia e a antiga rodoviária do Rio, conectados, deverão fazer parte da grande intervenção na região central e antiga da cidade. Para cada construção analisamos diferentes níveis de tombamento e preservação.

Planta Térreo
Planta Térreo

Planta 3º Pavimento Fachada Esquema Cobertura Fluida Corte Esquemático + 35

O primeiro passo foi estabelecer um sistema de fluxo de modo que Museu e a Escola funcionem de forma integrada e eficiente. Assim, propomos a criação de uma praça suspensa na cobertura do prédio da Polícia, que reunirá todos os acessos, assim como abrigará o Bar e uma área para eventos culturais e de lazer.  Desta forma, a visitação será feita de cima para baixo.

© Leonardo Finotti
© Leonardo Finotti

Foi estabelecido que o Palacete, em função de seus grandes pés-direitos e da planta livre de estrutura, deverá abrigar as salas de exposição do Museu. O prédio da Policia será utilizado para a Escola do Olhar, auditório, salas de exposição multimídia e para as áreas de administração e funcionários do complexo. Os pilotis, hoje utilizados como acesso para a rodoviária, se transformarão em um grande foyer de todo o empreendimento, comportando também áreas de exposição de esculturas. O acesso controlado se dará entre as duas construções, caracterizando este vazio como espaço interno aberto e coberto. A marquise da Rodoviária, elemento tombado pelo patrimônio da Cidade, será utilizada para banheiros, loja e região de carga, descarga e depósitos.

Diagrama do Edifício
Diagrama do Edifício
Modelo
Modelo

A Ligação e a circulação de visitantes entre os dois prédios, sob a forma de uma passarela suspensa pertencerá a esta nova construção, caracterizando a condição mais insólita possível.

© Leonardo Finotti
© Leonardo Finotti

Para o prédio da Policia, propomos a supressão do ultimo pavimento para equilibrarmos a altura dos dois prédios e também a substituição das alvenarias de fechamento das fachadas por perfis de vidro translucido, tornando visível o sistema estrutural de colunas recuadas e revelando os pilotis, que hoje comporta diversas construções. Finalmente, como marca do projeto, propomos que a cobertura da praça suspensa tenha uma forma abstrata e etérea. Uma estrutura fluida, extremamente leve, simulando a ondulação da superfície da água. Uma arquitetura de caráter poético e carregada de significado, simples e ao mesmo tempo moderna na questão de cálculo estrutural. Esse elemento será visto tanto de perto quanto de bem longe, tanto de baixo, para quem esta chegando a Praça Mauá, quanto de cima, para quem está no Morro da Conceição.

© Leonardo Finotti
© Leonardo Finotti

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos

Localização do Projeto

Endereço: Praça Mauá, 5 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Brasil

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "MAR – Museu de Arte do Rio / Bernardes + Jacobsen Arquitetura" 11 Abr 2013. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/108254/mar-museu-de-arte-do-rio-bernardes-jacobsen-arquitetura> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.