O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Arquitetura Paisagística
  4. França
  5. Atelier Cite Architecture
  6. 2012
  7. Desenvolvimento das Margens do Meurthe / Atelier Cite Architecture

Desenvolvimento das Margens do Meurthe / Atelier Cite Architecture

Desenvolvimento das Margens do Meurthe / Atelier Cite Architecture
Desenvolvimento das Margens do Meurthe / Atelier Cite Architecture, © Michel Denancé
© Michel Denancé

© Michel Denancé © Michel Denancé © Michel Denancé © Michel Denancé + 47

  • Arquitetos

  • Localização

    9 Rue Alphonse Adam, 88110 Raon-l'Étape, France
  • Paisagismo

    ARPAE
  • Projeto de Iluminação

    Scene Publique (Agathe Argod)
  • Estrutura

    Groupe Alto
  • Hidráulica

    SINBIO
  • Área

    20000.0 m2
  • Ano

    2012
  • Fotógrafo

© Michel Denancé
© Michel Denancé

Descrição enviada pela equipe de projeto. Ao responder questões sobre características específicas de uma certa área, não somente garante-se a proteção do patrimônio cultural na mesma, mas também indaga-se em como a herança cultural pode ser usada como uma base para dar forma a uma nova paisagem.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

A cidade de Raon l'Etape abrange uma área verde ao longo das margens do rio Meurthe. Esta zona, abandonada por um longo período de tempo, é o coração de um projeto de desenvolvimento concedido pela cidade.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

A área de intervenção definida no projeto é delimitada pelo curso urbano do rio Meurte. Através do desenvolvimento dos espaços públicos e naturais, o projeto garantirá um futuro sustentável para a zona.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

A posição estratégica permite que o projeto impacte de diversas maneiras:
- Ao unificar as diferentes entidades que compõem a cidade de Raon l'Etape e, portanto, envolvendo toda a comunidade.
- Ao desenvolver e instalar novos meios de transporte que permitam uma verdadeira alternativa à dominação da cidade por automóveis.
- Ao fornecer uma base potencial para atividades de lazer e turismo.
- Finalmente, o novo desenvolvimento incentiva uma continuidade e o aperfeiçoamento das ligações entre a cidade do futuro e o patrimônio cultural.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

O projeto avançou passo a passo: a primeira fase - reconhecida pelo prêmio "amenagement du Moniteur-2009" - foi seguida por uma segunda fase, um edifício, atualmente prestes a terminar. 

© Michel Denancé
© Michel Denancé

O desenvolvimento está em sintonia com a geografia da cidade e usa efeitos discretos para destacar a singularidade e a atmosfera da área.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

A fase 1 confirma a continuidade da zona com o centro da cidade por suas estruturas minerais estritas, enquanto a fase 2 sublinha a presença de atividades de lazer (piscina, hortas familiares, loteamentos, pesca ...) já estabelecida na paisagem natural das margens do rio , mas também propõe novo uso da área:

- A grande praia para atividades de lazer e um espaço para relaxar também serve como uma zona de controle de inundações e local para canoagem. Passarelas suaves incentivam o uso das margens do rio pelos habitantes de Raon l'Etape.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

O projeto para as margens do Meurthe foi concebido para respeitar o conceito de sustentabilidade que facilite a expansão futura da área. A gestão cuidadosa da vegetação da margem do rio estabiliza a mesma, limitando a erosão e permitindo a diversificação da flora em locais específicas.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

O projeto de iluminação responde a vários requisitos, para mostrar a área desenvolvida no seu melhor e criar uma atmosfera de iluminação noturna que respeite a segurança da área, a proteção do ambiente e a economia de energia. O conceito de desenvolvimento sustentável é a base do projeto de iluminação para Raon l'Etape.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

O minimalismo intencional para esta parte do projeto leva a uma limitação dos pontos iluminados na área iluminada e a aceitação de algumas áreas mais escuras no centro da cidade: por exemplo, o próprio rio Meurthe permanece escuro e reflete as luzes como um espelho.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

O projeto de iluminação em Raon l'Etape resolve um paradoxo dos nossos tempos: dar iluminação noturna adequada para certas zonas, sublinhando o caráter de outros aspectos do projeto e utilizando técnicas de economia de energia.

© Michel Denancé
© Michel Denancé

Os conceitos fundamentais são:
-O projeto otimiza o consumo geral de energia pelo uso de materiais com uma elevada eficiência luminosa, controle de ofuscamento, adaptação da altura e comprimento das unidades de iluminação, de modo a limitar o número de pontos iluminados ...
-Limitação de manutenção, escolhendo luzes com uma longa vida útil e a escolha de uma variedade de sistemas para aumentar a longevidade da instalação.
-Finalmente, o uso de materiais, tais como postes de madeira, por exemplo, com um baixo impacto ambiental em sua fabricação e transporte.

Planta Baixa
Planta Baixa

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Desenvolvimento das Margens do Meurthe / Atelier Cite Architecture" [Development Banks of the Meurthe / Atelier Cite Architecture] 27 Mar 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Alves, Jorge) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/105597/desenvolvimento-das-margens-do-meurthe-slash-atelier-cite-architecture> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.