O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. França
  5. Lode Architecture
  6. 2011
  7. Casa G / Lode Architecture

Casa G / Lode Architecture

  • 18:00 - 4 Março, 2013
  • Traduzido por Gica Fernandes
Casa G / Lode Architecture
Casa G / Lode Architecture, © Daniel Moulinet
© Daniel Moulinet

© Daniel Moulinet © Daniel Moulinet © Daniel Moulinet © Daniel Moulinet + 38

  • Colaboradores

    Arnaud Lacoste / Jérôme Vinçon
  • Estrutura

    painéis de madeira laminada transverssal
  • Material de Revestimento

    ardósia sintética
  • Materiais Pavimentação

    linóleo
  • Sistema de Aquecimento

    fogão à lenha somente
  • Mais informações Menos informações
© Daniel Moulinet
© Daniel Moulinet

Descrição enviada pela equipe de projeto. Perto do estuário do Sena, entre bosques e pomares, esta casa de férias aparece inicialmente como uma silhueta escura, em um fundo verde. É um volume simples, monocromático, com frente lisa, e bordas afiadas. Na luz, o revestimento de ardósia reage aos céus sempre em mudança da Normandia, e instala a casa de sua paisagem. Fachadas nas proximidades do Porto de Honfleur são, então, trazidas à mente.

No interior, descobre-se um volume oco, livre de estrutura até o telhado. Uma série de paredes de suporte, feitas de painéis de madeira, esculpem o espaço. Aberturas, cortadas em sua espessura, criam formas, enquadram vistas interiores ou convidam a paisagem próxima para dentro. Ao usar os efeitos de sobreposições e lacunas, estas janelas dão uma visão caleidoscópica da casa e de seus habitantes. No meio do plano, a sala de estar se estende com um terraço, o que beneficia a sombra de uma grande árvore de cerejeira. Painéis de vidro de grandes dimensões juntam os dois espaços em conjunto, e asseguram entrada de luz solar. No telhado, uma série de conduítes reflexivos, complementam o fornecimento de luz a partir do lado do Norte. A organização longitudinal da casa, com destaque para as paredes de suporte de carga, permite uma gestão transversal da luminescência, permitindo que a casa encontre seu lugar dentro do ciclo diário e das estações do ano.

© Daniel Moulinet
© Daniel Moulinet

Abordagem ambiental: o uso intermitente da casa, construída como uma casa de férias, influenciou fortemente as escolhas ambientais do projeto. O desafio estava aqui para dar prioridade aos dispositivos passivos e para a arquitetura, oferecendo um ganho em termos de desempenho energético, mas também para o conforto dos ocupantes. A exposição à luz solar foi a prioridade principal: orientação Leste-Oeste, a abertura de grandes dimensões para o Sul, tons naturais e estratégia de controle solar, lado norte cego.

Grande atenção foi dada ao isolamento térmico. A escolha da laje de madeira, e uma estrutura de painéis de madeira isolada do exterior, nos tem permitido obter bons níveis de isolamento e vedação. Além disso, a construção de baixa massa térmica, oferecida pela estrutura de madeira é interessante no contexto de uma casa de fim de semana, que deve aquecer-se rapidamente, por curtos períodos. Um fogão a lenha, assim, é suficiente para aquecer o lar. Finalmente, o edifício é baseado na estrutura de processo seco, com os benefícios da pré-fabricação: construção de qualidade, montagem rápida, e proteção do local.

© Daniel Moulinet
© Daniel Moulinet

Descrição técnica: A estrutura utiliza placas de madeira, empilhadas em cima umas das outras, a fim de criar os três níveis de piso térreo, seguindo a inclinação do terreno. Estes pisos descansam em fundações rasas, que asseguram a ventilação de baixo, e não impede o escoamento da água da chuva.

Acima destes pisos, toda a estrutura foi feita em painéis de madeira maciça, que cobrem completamente os 12 metros de comprimento da casa. As paredes de suporte de carga foram efetuados em duas partes, com uma articulação mediana. Todas as sobras de pedaços de madeiras foram utilizadas, como portas, escadas ou móveis fixos. A fim de realçar a estrutura, e para permitir a passagem das redes, as paredes laterais e os forros foram rebocados, ao contrário das paredes de suporte de carga que apresentam ambos os seus lados de madeira. Este arranjo necessitou inserir o núcleo de distribuição eléctrica nos painéis.

Planta
Planta

Lá fora, a fim de obter uma expressão mais direta do plano original, o revestimento exigiu implementações específicas: janelas de descarga, perfil de gotejamento e detalhes no teto foram adaptados. O uso extensivo de ardósia com um layout contínuo, combina critérios de durabilidade, estética, e um desejo de permanecer ancorada as tradições locais de construção.

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Lode Architecture
Escritório
Cita: "Casa G / Lode Architecture" [G house / Lode Architecture] 04 Mar 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Fernandes, Gica) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/100671/casa-g-slash-lode-architecture> ISSN 0719-8906