Ramzi Naja

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE AUTOR

Clássicos da Arquitetura: Walden 7 / Ricardo Bofill

Cortesia de Ricardo Bofill© Denis Esakov© Denis Esakov© Denis Esakov+ 53

Walden 7 é um projeto que aplica algumas das mais antigas ambições de Ricardo Bofill, abordando grande parte dos problemas da vida urbana moderna. Construído em 1975, localiza-se no mesmo lote de The Factory, sobre as ruínas restauradas de uma antiga fábrica de cimento. O projeto foi concebido a partir de investigações deste renomado arquiteto espanhol, com a ideia de proporcionar espaços e jardins públicos para que os residentes pudessem desfrutar de uma melhor qualidade de vida.

Clássicos da Arquitetura: Centro Cívico do Condado de Marin / Frank Lloyd Wright

O Centro Cívico do Condado de Marin foi a última comissão de Frank Lloyd Wright e seu maior projeto público, incluindo várias funções cívicas para servir ao condado e a San Francisco, que após a abertura da Golden Gate Bridge tornaram-se mais próximos do que nunca. Wright foi selecionado para o projeto em 1957, ganhando um voto de esperança de que ele poderia representar melhor um governo democrático aberto às pessoas através do Centro Cívico.

© Flickr User C.M. Keiner© Flickr User C.M. Keiner© Flickr User DB's travels© Flickr User DB's travels+ 25

Clássicos da Arquitetura: Colônia Güell / Antoni Gaudí

A Colônia Güell foi uma colônia operária localizada em Santa Coloma de Cervelló, atualmente uma cidade com cerca de 7.000 habitantes, a 20 km de Barcelona. A área era um subúrbio industrial que cresceu rapidamente em meados da virada do século 20. Em 1898, Antoni Gaudi foi contratado pelo Conde Eusebi Güell que queria oferecer um local de culto para o subúrbio em expansão, construindo uma igreja. O edifício nunca foi realmente concluído por dificuldades financeiras. Quando a obra foi interrompida em 1915, somente a cripta estava completa. Ainda assim, é classificada pela UNESCO como patrimônio mundial. Em 2002, uma restauração foi realizada pelo arquiteto Antonio González Moreno, tendo sido amplamente criticado por supostamente desrespeitar a obra de Gaudi.

© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig+ 13

Clássicos da Arquitetura: Pavilhão Suíço / Le Corbusier

Em 1930, Le Corbusier foi encarregado de projetar um alojamento para os estudantes suíços na Cité Internationale Universitaire de Paris, que tradicionalmente eram alojados em estúdios de má qualidade na região do Quartier Latin. O pavilhão suíço deveria fornecer 50 leitos, cozinhas e sanitários comuns em cada andar, escritórios e habitação para o diretor, e uma área comum para servir como sala de jantar ou hall.
No início, o arquiteto e Pierre Jeanneret, seu parceiro na época, recusaram-se a assumir o projeto devido a tensões com a Suíça após a manipulação da proposta dos arquitetos para a concurso da Liga das Nações. Por fim, no entanto, acabaram por aceitar o projeto e trabalhar com um orçamento muito limitado, e o projeto tornou-se o somatório dos princípios modernos de Le Corbusier, forçando-o a concentrar-se na habitação antes de tudo.

© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig+ 10

Clássicos da Arquitetura: Parque Güell / Antoni Gaudí

O Parque Güell foi projetado por Antoni Gaudí a pedido do conde Eusebi Güell, que almejava construir um parque elegante para os aristocratas de Barcelona. O conde havia previsto a construção de um empreendimento habitacional que tiraria proveito das vistas da área e do ar fresco. No entanto, apenas duas casas foram concluídas. O próprio Gaudí habitava uma delas, projetada pelo arquiteto Francesc Berenguer em 1904, e que agora funciona como um museu exibindo alguns dos trabalhos de Gaudí. O parque é uma atração turística em Barcelona, conhecido por seu famoso terraço e sua entrada icônica, ladeada por dois edifícios de Gaudí.

© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig© Samuel Ludwig+ 6

O Novo "Contexto" em Arquitetura: Aprendendo com o Líbano

O "contexto" em arquitetura se tornou um assunto alvo de discussões e debates ao longo dos anos. E, na realidade, não possui uma grande relevância no sentido formal e tipológico. Tomemos, por exemplo, as formas fluidas que compõem as centenas de projetos de Zaha Hadid ao redor do mundo, ou as composições explodidas de Frank Gehry vistas na África do Sul e também no inconfundível Guggenheim de Bilbao. A forma que a arquitetura toma nestes casos, e em diversos outros, é uma completa desconsideração ao contexto em seu sentido literal.

Mas é um erro desconsiderar o contexto? Os observadores diriam freqüentemente que sim, embora eu discorde. Tem se tornado frequente que projetos desta natureza, abertamente formais e nem sempre bem ajustados em relação aos seus entornos históricos, tomem um posicionamento quanto às questões urbanas que têm impacto direto sobre os habitantes da cidade. É muito simples, hoje em dia, uma arquitetura bem sucedida é aquela que serve culturalmente e praticamente à sociedade, abordando os problemas das cidades do século XXI e lidando com o contexto de maneira a buscar soluções, indo além da estética (cujo valor é apenas temporário) e em direção a um urbanismo que investe no futuro. Um exemplo? A cidade onde moro: Beirut, Líbano.

Exemplos no Líbano que ilustram esta nova abordagem ao contexto na continuação.

The Lebanese American University Campus in Byblos. Image © Nadim AsfarThe Saint Joseph University Campus of Sports and Innovation. Image © 109 ArchitectesThe Saint Joseph University Campus of Sports and Innovation. Image © 109 ArchitectesThe Issam Faris Institute at the American University of Beirut's Historic Campus. Image © Zaha Hadid Architects. + 12

Beirut Terraces / Herzog & de Meuron

Beirut Terraces reinterpreta o conceito de arranha-céus, criando uma aldeia vertical, composta de finas e elegantes plataformas inserida num arranjo lúdico. Ao oferecer generosos espaços ao ar livre, vistas deslumbrantes e lofts meticulosamente compostos, os arquitetos Herzog & De Meuron trazem uma forma sem precedentes de viver na densa cidade de Beirute.

Mais informações na continuação.

Cortesia de BenchmarkCortesia de BenchmarkCortesia de BenchmarkCortesia de Benchmark+ 7

Clássicos da Arquitetura: Torre dos Ventos / Toyo Ito

© Toyo Ito and Associates© Toyo Ito and Associates© Toyo Ito and Associates© Flickr User ..colb..+ 9

O projeto de Toyo Ito para a  Tower of Winds desenvolve o pensamento do arquiteto a cerca do papel da tecnologia na arquitetura. O projeto traz e envolve a tecnologia num diálogo com a cidade. Cria-se uma relação direta, quase literal, entre o natural e a instalação.