Casa CM / Bernardes Arquitetura

Casa CM / Bernardes Arquitetura

© Ruy Teixeira© Ruy Teixeira© Ruy Teixeira© Ruy Teixeira+ 12

  • Equipe De Projeto:Thiago Bernardes (diretor criativo), Márcia Santoro, Camila Tariki, Diogo Esteves, Pérola Machado, Antonia Bernardes, Rodrigo Mathias
  • Paisagismo:Isabel Duprat
  • País:Brasil
Mais informaçõesMenos informações
© Ruy Teixeira
© Ruy Teixeira

Descrição enviada pela equipe de projeto. Projetada como um retiro de lazer em um condomínio residencial em Paraty, Rio de Janeiro, a Casa CM foi pensada levando em consideração as visuais do terreno e integração ao paisagismo.

Recuada a partir da rua, a porção frontal dá lugar a um denso jardim. Placas retangulares em granito Branco Siena em acabamento levigado justapostas irregularmente sobre o gramado criam um desenho sinuoso que conduz os moradores ao interior. Nas laterais, diferentes espécies de philodendros e árvores de médio porte compõe o espaço assinado em parceria com Isabel Duprat.

© Ruy Teixeira
© Ruy Teixeira

Buscando assegurar privacidade aos moradores, a fachada da casa recebe uma empena inferior opaca e revestida em pedra Moledo. Sobre ela, o volume superior, em estrutura metálica com bandeja envelopada em aço corten acomoda uma floreira linear rebuscada por espécies vegetais de médio porte, que resguarda o interior. O acesso à residência é realizado através de portas pivotantes com chapas de cobre em tom esverdeado, resultante do processo de oxidação química do material.

© Ruy Teixeira
© Ruy Teixeira

Com mais de mil metros quadrados divididos em dois pavimentos, o projeto foi pensado como uma casa-varanda, e apesar da área ampla, a implantação com desenho em F, integrada ao jardim rico em texturas – naturais e dos materiais – assegura conforto ao cotidiano dos moradores.

Planta Baixa Térreo
Planta Baixa Térreo

A primeira ala, paralela a rua, é um volume maior, e concentra no térreo o hall de entrada ao centro, espaços de serviço à esquerda (sala de jantar, copa, cozinha, despensa, lavanderia, estar e dormitório de serviço), e espaços de lazer à direita (varanda, sala das crianças, home theater e uma suíte de hóspedes). No pavimento superior, destinado às áreas intimas, na primeira porção, há duas suítes (uma delas provida com duas camas e a segunda com três) e na extremidade, uma escada de serviço, enquanto na segunda porção há três suítes (uma com duas camas de solteiro e duas suítes de casal, sendo aquela da extremidade com desenho em L e varanda privativa).

© Ruy Teixeira
© Ruy Teixeira

Todos os dormitórios possuem fechamentos em painéis com venezianas e abertura tipo camarão em madeira cumaru protegidas pelos beirais, que trazem privacidade e ventilação natural. Também recebem folhas de vidro de piso a forro e guarda-corpo.

Corte Longitudinal AA
Corte Longitudinal AA

Na segunda ala, que corta perpendicularmente o volume principal e contínua da escada, estão a sala de estar e varanda gourmet no térreo, enquanto no pavimento superior, duas suítes, sendo a principal na extremidade: a suíte master com banheiros individuais para o casal e closet. A terceira ala, a esquerda da segunda e com apenas um pavimento, concentra a área gourmet principal que acomoda até 23 pessoas sentadas, lavabo e sala de ginástica.

© Ruy Teixeira
© Ruy Teixeira

Uma marquise em madeira laminada presa diretamente sobre vigas metálicas e coberta por vidro conecta estes dois últimos volumes. Essa solução permitiu que a estrutura fosse livre de pilares. Lateralmente, um conjunto de coqueiros e arbustos no paisagismo criam ritmo e perspectiva a promenade.

A piscina com raia de mais de quarenta metros lineares, foi disposta conectando-se visualmente ao lago do condomínio. Vale destacar que a varanda gourmet de menor proporção invade parcialmente a piscina, e recebe brises verticais esverdeados, em cobre oxidado, em harmonia a paleta de cores d’água e vegetação.

© Ruy Teixeira
© Ruy Teixeira

Nos interiores predominam os materiais naturais, assim como as fachadas e peças de mobiliário em madeira e palha que trazem o clima litorâneo, como a cadeira Atibaia de Paulo Alves, poltronas de balanço de Nanna Ditzel, poltrona Gervasoni de Paola Navone e sofás de Paola Lenti. As cortinas são em linho e tapetes em sisal, os objetos decorativos em rattan e vime.

Com estrutura de aço e fechamentos em elementos pré-fabricados, a obra teve tempo reduzido, uma vez que se tornou parcialmente um sistema de montagem; e maior qualidade das peças.

© Ruy Teixeira
© Ruy Teixeira

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa CM / Bernardes Arquitetura" 01 Jul 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/964341/casa-cm-bernardes-arquitetura> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.