Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de InterioresReforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, TijoloReforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, TijoloReforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores+ 32

Dendermonde, Bélgica
Mais informaçõesMenos informações
Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores
© Filip Dujardin

Descrição enviada pela equipe de projeto. Quando Alison e Peter Smithson desenharam a put-away-house nos anos 90, estavam elaborando sobre uma ideia que apresentaram pela primeira vez em 1958, num artigo chamado "o futuro do mobiliário". Convencidos de que a superabundância de bens de consumo se tornaria opressiva em breve, desenharam uma casa com um backstage elaborado: "O coração da planta é uma grande sala, com acesso direto ao exterior e a cada quarto sem que seja necessário passar por outro ambiente". Eles podem ter antecipado a ascensão da cultura de mercadorias, mas estavam enganados quanto à sua natureza. A alegria não representou um fardo para a primeira geração, que foi capaz de acumular uma miríade de produtos. Para eles, era a própria imagem da liberdade. 

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, Cozinha
© Filip Dujardin
Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores
© Filip Dujardin

Os arquitetos nunca foram bons a antecipar as mudanças na forma como vivemos. Excessiva e, portanto, inesquecível, a arquitetura sempre foi o resultado de um "fim de jogo". Os edifícios que chamamos de revolucionários são frequentemente os exemplos finais e mais reveladores de um modo de vida prestes a desaparecer. Quando os Smithson finalmente apresentaram uma planta para a casa na qual teríamos de enfrentar o mundo das mercadorias, era notavelmente convencional, visando a privacidade, o conforto e a independência, como qualquer casa de família desde o século XIX. 

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Imagem 30 de 32
Seção A

Algo mudou, no entanto, na vida das pessoas a quem Alison e Peter Smithson se dirigiam, uma geração frequentemente referida como babyboomers. Os seus filhos deixaram o lar e muitos estão se mudando para habitações menores, trazendo consigo todas as coisas que os acompanharam ao longo das suas vidas. Para um desses casais, Eagles of Architecture construiu uma casa diferente de qualquer outra. 

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, Bancada
© Filip Dujardin
Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores
© Filip Dujardin
Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, Cozinha
© Filip Dujardin

No início havia uma casa, tão convencional que poderia ter sido um exemplo de livro, concebido para normalizar as relações familiares dentro da casa, uma instalação para a qual os proprietários já não tinham qualquer utilidade. O que se seguiu dificilmente pode ser descrito como uma remodelação. A casa foi esvaziada até que apenas as paredes exteriores e o telhado fossem deixados, e uma nova casa foi construída no interior, corajosa e caricatural. Uma escada em espiral circunda uma única coluna que se destaca no centro num espaço não superior a 7,40 por 5,60 metros. Esta coluna está rodeada por um mundo rodopiante de armários. 

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, Fachada
© Filip Dujardin

O efeito não é diferente do número sempre crescente de vassouras que rodeiam o pobre aprendiz de feiticeiro no filme Mickey Mouses de Walt Disney, de 1940. Depois de primeiro ter encantado a vassoura para o ajudar a ir buscar água, o aprendiz é incapaz de impedir a vassoura de desempenhar esta tarefa vezes sem conta. Ao dividir a vassoura com um machado, esta não é eliminada mas multiplicada, e a oficina em breve inunda-se. Os armários não estão em segundo plano, como os da put-away-house, mas sim, são o palco central. Eles compõem a casa sem organizá-la ou dividi-la.

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores
© Filip Dujardin
Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, Porta
© Filip Dujardin

Todos os filmes do Mickey Mouse são fundados sobre o motivo de sair de casa para aprender o que é o medo, Walter Benjamin escreveu em 1931. A casa que Eagles of Architecture construiu em Dendermonde deixa para trás a construção social de uma casa enquanto os seus habitantes enfrentam os medos e o destemor de uma geração que enfrentou o mundo da cultura de mercadorias.

Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture - Fotografia de Interiores, Banheiro
© Filip Dujardin

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Reforma da Casa Begijnhoflaan 27 / Eagles of Architecture" [Begijnhoflaan 27 House Renovation / Eagles of Architecture] 23 Mai 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/962019/reforma-da-casa-begijnhoflaan-27-eagles-of-architecture> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.