Reforma e ampliação de Casa de Farinha de babaçu / Estudio Flume

Reforma e ampliação de Casa de Farinha de babaçu / Estudio Flume

© Noelia Monteiro© Noelia Monteiro© Noelia Monteiro© Noelia Monteiro+ 20

  • Arquitetos: Estudio Flume
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  102
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fotógrafo Fotografias:  Noelia Monteiro, German Nieva
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Tramontina, Amanco, Blender, Casa da Madeira, Deca, Forlux, Freecad, Glight, Ibrap, Librecad, Lorenzetti, Ourolux, Paloma pré-moldados, Suvenil, Tigre
  • Arquitetos Responsáveis:Christian Teshirogi, German Nieva, Noelia Monteiro
  • Cidade:Santa Inês
  • País:Brasil
Mais informaçõesMenos informações
© Noelia Monteiro
© Noelia Monteiro

Descrição enviada pela equipe de projeto. Ampliação e reforma de fábrica para produção de farinha de coco babaçu O projeto está localizado em Serra, uma pequena comunidade rural no bioma de transição entre Amazônia e Cerrado, no Estado do Maranhão. Consistiu na ampliação e reforma de uma edificação existente que, apesar de relativamente nova, apresentava rápida degradação pelo manuseio de ferramentas de impacto, que fazem parte da rotina deste grupo de 18 mulheres “quebradeiras de coco de babaçu”. As “quebradeiras” são mulheres que coletam e quebram cocos de babaçu, manualmente, para obter óleo e farinha. A matéria prima resulta em pão, bolos, materiais de limpeza, cosméticos, bebidas e artesanato.

© Noelia Monteiro
© Noelia Monteiro
Axonométrica
Axonométrica
© Noelia Monteiro
© Noelia Monteiro

O projeto, buscou a melhoraria das instalações, ampliando a construção existente, atualizando materiais e reorganizando o layout interno para atender às exigências da Vigilância Sanitária. Esta certificação é de extrema importância, para que se possa formalizar a comercialização do produto, e consequentemente, potencializar o retorno financeiro ao grupo. O projeto foi desenvolvido com o envolvimento direto das quebradeiras. As oficinas locais auxiliaram na identificação das necessidades e expectativas de cada mulher em relação à reforma, seja na escolha dos materiais, como na reorganização da área produtiva, resultando numa obra, realizada em dois meses, que garantiu a qualidade do espaço de trabalho, refletindo no aumento da produção. O projeto incorpora uma área de acesso com a função de antessala e/ou varanda, num espaço de socialização entre as quebradeiras e a comunidade. Esta área sombreada é delimitada por uma jardineira, aos cuidados das quebradeiras. A porta da fachada frontal, foi retirada e substituída por elemento vazado, criando uma ventilação permanente, arrematada por um banco e gerando a comunicação entre interior e exterior. A estrutura da ampliação lateral é de madeira, sendo a cobertura em polipropileno translúcido, que permite a passagem de 70% da luz natural, enquanto bloqueia a radiação solar. O piso é cimentício, com inserções de cerâmicas resgatadas das demolições parciais.

© Noelia Monteiro
© Noelia Monteiro

Os tanques para a limpeza e manipulação dos cocos de babaçu, foram construídos com tijolo maciço de cimento pré-moldado, sendo o acabamento interno em cimento queimado, garantindo a estanqueidade. As peças construídas foram resultado de protótipos validados pelas quebradeiras, definidos em desenhos a partir de uma oficina conjunta com o grupo, considerando a ergonomia em função de suas medidas. A reforma da área produtiva inclui um novo forro em chapa de compensado naval, com a abertura de uma iluminação zenital que garante uma área de trabalho com maior incidência de luz natural indireta. O frágil piso cerâmico foi substituído por cimento queimado, para resistir ao impacto decorrente do trabalho delas e oferecer um melhor envelhecimento na manutenção do espaço.

© Noelia Monteiro
© Noelia Monteiro

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Santa Inês, Maranhão, Brasil

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Reforma e ampliação de Casa de Farinha de babaçu / Estudio Flume" 21 Ago 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/946168/reforma-e-ampliacao-de-casa-de-farinha-de-babacu-estudio-flume> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.