i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

COURB Brasil

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE AUTOR

Cidade saudável: a relação entre planejamento urbano e saúde pública

14:00 - 24 Julho, 2017
Cidade saudável: a relação entre planejamento urbano e saúde pública, Estação da Luz e arredores, centro de São Paulo/SP. Image © Bárbara Bonetto
Estação da Luz e arredores, centro de São Paulo/SP. Image © Bárbara Bonetto

Texto por Bárbara Bonetto

O potencial de colaboração entre saúde pública e planejamento urbano é enorme. Estas duas áreas são grandes promotoras do bem-estar humano e têm em seu dia a dia vários dos mesmos mecanismos: a avaliação das necessidades locais (diagnóstico), prestação de serviços, gerenciamento de complexos sistemas sociais, atuação a nível populacional e uso de instrumentos participativos, com atenção especial às necessidades das populações vulneráveis.

Sete passos para cidades mais inteligentes

14:00 - 15 Maio, 2017
Sete passos para cidades mais inteligentes, Campus da Universidade Nacional da Colômbia, em Bogotá. Image © Bruno Ávila
Campus da Universidade Nacional da Colômbia, em Bogotá. Image © Bruno Ávila

Atualmente existe um debate acalorado sobre o verdadeiro significado de uma cidade inteligente ou smart city. Enquanto municipalidades buscam melhorar seus serviços, a academia discute as consequências de uma cidade mais informatizada e empresas estabelecem centros de pesquisa para desenvolvimento de soluções para problemas urbanos. Estaria a cidade inteligente mais dependente de sistemas tecnológicos inovadores ou de processos participativos eficientes?

Projetos em Assentamentos: caminhos para um desenvolvimento inclusivo

14:00 - 10 Abril, 2017
Projetos em Assentamentos: caminhos para um desenvolvimento inclusivo, Infraestrutura urbana e projeto habitacional em Medellín (2015). Image © Mariana Morais
Infraestrutura urbana e projeto habitacional em Medellín (2015). Image © Mariana Morais

O Brasil possui uma pluralidade de instrumentos relacionados à política urbana. No entanto, a complexidade dos desafios exige que pensemos também em soluções multidisciplinares e inovadoras, capazes de qualificar o espaço urbano de modo equitativo, possibilitando o pleno desenvolvimento da nossa sociedade. Durante muito tempo, a principal abordagem em relação a assentamentos foi a aplicação de processos de remoção ou alternativas para tentar escondê-los. Apesar dessas práticas ainda ocorrerem, nas últimas décadas, houve um avanço no que tange o reconhecimento dos assentamentos e a formulação de estratégias, programas e políticas por gestões municipais para urbanização dessas áreas. Observar essas experiências concretas de intervenção pode auxiliar na elaboração de caminhos que visem o desenvolvimento inclusivo destes territórios.

A dimensão social da sustentabilidade

14:00 - 13 Março, 2017
A dimensão social da sustentabilidade, Usuário Flickr Alan Levine, licença Attribution 2.0 Generic (CC BY 2.0)
Usuário Flickr Alan Levine, licença Attribution 2.0 Generic (CC BY 2.0)

É possível notar que o uso da palavra “sustentabilidade” em projetos - de qualquer natureza - tem perdido credibilidade e significado nos último anos, tanto pela grande abrangência de sua definição quanto pela superficialidade de sua aplicação. No entanto, projetos arquitetônicos e urbanos sustentáveis são sim necessários e vão além do uso de produtos certificados ou energia renovável. Eles devem tocar igualmente os três pilares que definem o conceito de sustentabilidade: o ambiental, o econômico e o social. Dentre eles, o último é o menos visado, talvez pela dificuldade da aplicação de métricas, talvez pelo resultado vir a longo prazo, mas sua importância é fundamental para a obtenção de um projeto verdadeiramente sustentável.

A Segregação Urbana nos Estados Unidos e o Papel das Políticas Públicas

14:00 - 20 Fevereiro, 2017
A Segregação Urbana nos Estados Unidos e o Papel das Políticas Públicas, "Nós queremos inquilinos brancos em nossa comunidade branca". Foto de Arthur Siegel, em Detroit, Michigan. Imagem: Library of Congress, Prints & Photographs Division, FSA/OWI Collection, [LC-USW3-016549-C, LC-USF34-9058-C].
"Nós queremos inquilinos brancos em nossa comunidade branca". Foto de Arthur Siegel, em Detroit, Michigan. Imagem: Library of Congress, Prints & Photographs Division, FSA/OWI Collection, [LC-USW3-016549-C, LC-USF34-9058-C].

A segregação espacial é um dos grandes problemas urbanos no mundo. Ela se caracteriza pela separação de classes sociais em diferentes regiões das cidades. Esse processo, ao longo do tempo, acaba contribuindo para o aprofundamento dessas diferenças. Nos Estados Unidos após a crise de 1929, o governo federal criou uma metodologia para orientar empréstimos financeiros, visando possibilitar a quitação de imóveis para as populações endividadas. A metodologia se dedicou a classificar as regiões da cidade de acordo com seus aspectos sociais, e acabou por enfatizar e aprofundar uma urbe fragmentada, encorajando o preconceito e a intolerância. A segregação como política pública, acabou por limitar as oportunidades de muitas populações por gerações, resultando em uma distribuição social que ainda hoje, quase 100 anos depois, é evidente na maioria das cidades norte americanas.

Infoviabilizando as primeiras cidades digitais do Brasil

14:00 - 12 Dezembro, 2016
Infoviabilizando as primeiras cidades digitais do Brasil, Paisagem de Águas de São Pedro, Brasil. By Eduardo Shiroma (Agente Rolf). (Own work) [CC BY 2.5 (http://creativecommons.org/licenses/by/2.5)], via Wikimedia Commons
Paisagem de Águas de São Pedro, Brasil. By Eduardo Shiroma (Agente Rolf). (Own work) [CC BY 2.5 (http://creativecommons.org/licenses/by/2.5)], via Wikimedia Commons

Por Bruno Ávila

Além de ser uma estância hidromineral, a cidade de Águas de São Pedro – SP com pouco mais de 3 mil habitantes tem algo de diferente de outras localidades do interior. Pela internet e aplicativos de celular, é possível saber de antemão as vagas de estacionamentos disponíveis no centro da cidade e marcar consultas médicas. Estudantes da rede pública de ensino podem acessar materiais escolares e fazer exercícios usando tablets. Pais recebem notas dos alunos por mensagem em seus celulares. Os postes da cidade possuem sensores de presença e reduzem a luminosidade quando não há trânsito de pessoas, o que reduz o consumo de energia elétrica. 

COURB divulga projetos selecionados para Mostra de Urbanismo Colaborativo

14:00 - 7 Novembro, 2016
COURB divulga projetos selecionados para Mostra de Urbanismo Colaborativo, Cortesia de COURB / Foto: Coletivo Formigas
Cortesia de COURB / Foto: Coletivo Formigas

A construção das cidades como iniciativa dos próprios cidadãos é, cada vez mais, uma realidade em diversos centros urbanos. Se por um lado esse cenário revela o distanciamento entre o planejamento urbano tradicional, governo local e reais necessidades da população, ele também representa  o empoderamento cidadão na transformação social e urbana.

O Invisível Respeito à Bicicleta nas ruas

14:00 - 6 Outubro, 2016
O Invisível Respeito à Bicicleta nas ruas, © Victor Delaqua
© Victor Delaqua

Texto por Germano Johansson Neto e João Pedro Maciente Rocha 

Pedalando pela cidade é possível perceber, cada vez mais, que embora nós tenhamos muito a evoluir como sociedade ainda, as pessoas se respeitam mais do que a gente pensa. Na maioria das vezes, nós, ciclistas, acabamos nos apegando a uma ou duas buzinadas que recebemos de motoristas impacientes. No entanto, muitas vezes não lembramos das centenas de veículos que cruzam nossos caminhos de forma respeitosa, ultrapassando a bicicleta com distância segura, reduzindo a velocidade, ou pacientemente seguindo-nos até o próximo semáforo. 

10 estratégias para promover mudança a partir da participação social

14:00 - 1 Agosto, 2016
10 estratégias para promover mudança a partir da participação social, Imagem ilustrativa Projeto Ativa Ilhéus. Image via Acervo COURB
Imagem ilustrativa Projeto Ativa Ilhéus. Image via Acervo COURB

Texto por Lis Cavalcante e Mariana Morais

É possível promover mudança a partir da participação social? Se olharmos em volta, veremos que nossas cidades são construídas também pelas mãos das suas comunidades. Ao mesmo tempo, vemos que planejadores muitas vezes não contemplam as necessidades da população, impondo estruturas urbanas dissociadas das realidades em que trabalham. Como podemos unir o saber técnico ao conhecimento e experiência dos seus usuários, construindo cidades de maneira mais colaborativa?

Mulheres no espaço urbano: como fazer cidades melhores para elas?

14:00 - 4 Julho, 2016
Mulheres no espaço urbano: como fazer cidades melhores para elas?, © Tatiane Melo
© Tatiane Melo

Texto por Mariana Morais e Bruno Avila

Mulheres segregadas em vagões de metrôs exclusivos; locais coletivos que reprimem a necessária amamentação; dominação masculina nos espaços públicos. Uma sociedade excludente produzirá cidades excludentes. Quem nunca ouviu que “rua não é lugar de menina”? As conquistas do espaço das mulheres na nossa sociedade podem ser recentes, mas a necessidade de melhorar o modo como as cidades as acolhem é urgente.

O que é gentrificação e porque você deveria se preocupar com isso

14:00 - 6 Junho, 2016
O que é gentrificação e porque você deveria se preocupar com isso, 'Gentrification in Progress', Cheshire Street. Used under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/'>Creative Commons</a>. Imagevia Flickr. Autor: MsSaraKelly. Licensed under CC BY-NC 2.0
'Gentrification in Progress', Cheshire Street. Used under Creative Commons. Imagevia Flickr. Autor: MsSaraKelly. Licensed under CC BY-NC 2.0

Para entender gentrificação imagine um bairro histórico em decadência, ou que apesar de estar bem localizado, é reduto de populações de baixa renda, portanto, desvalorizado. Lugares que não oferecem nada muito atrativo para fazer… Enfim, lugares que você não recomendaria o passeio a um amigo.

Saiba mais, a seguir.