1. ArchDaily
  2. Zao/Standardarchitecture

Zao/Standardarchitecture: O mais recente de arquitetura e notícia

Bienal de Arquitetura de Chicago divulga lista de participantes da edição de 2017

A Bienal de Arquitetura de Chicago anunciou a lista de participantes convidados a contribuir para a segunda edição do evento, que será realizada entre 16 de setembro e 7 de janeiro de 2018, em Chicago. Mais de 100 escritórios de arquitetura e artistas foram selecionados pelos diretores artísticos de 2017, Sharon Johnston e Mark Lee, fundadores da Johnston Marklee, de Los Angeles, para projetar exposições que serão exibidas no Chicago Cultural Center e em toda a cidade. Entre os selecionados, destaca-se a presença portuguesa com Aires Mateus, Bak Gordon, Barbas Lopes, Fala Atelier, Nuno Brandão Costa e SAMI-arquitectos.

"Nossa meta para a Bienal de Arquitetura de Chicago 2017 é continuar a construir a partir dos temas e ideias apresentadas na primeira edição", explicaram Johnston e Lee. "Esperamos examinar, através do trabalho dos participantes escolhidos, o contínuo envolvimento com questões de história e arquitetura como uma prática evolutiva".

Escritórios de arquitetura de Pequim, pelas lentes de Marc Goodwin

O fotógrafo de arquitetura Marc Goodwin concluiu recentemente sua terceira série de fotografias de escritórios, desta vez em Pequim. Na sequência das séries na Escandinávia e em Londres, Goodwin voltou suas lentes para o crescente número de escritórios e estúdios com sede na capital chinesa. Do MAD Architects ao ZAO/standardarchitecture, veja, a seguir, onde estão instalados algumas das mais proeminentes firmas de arquitetura da China.

URBANUS Architecture & Design, Inc.. Image © Marc GoodwinChiasmus Partners, Inc.. Image © Marc GoodwinZAO/standardarchitecture. Image © Marc GoodwinC+ Architects. Image © Marc Goodwin+ 24

16 arquitetos discutem o "boom" de museus na China

Atualmente à mostra no Aedes Architecture Forum Berlin, "ZÀI XĪNG TǓ MÙ: Sixteen Chinese Museums, Fifteen Chinese Architects" oferece um olhar aprofundado em relação ao recente boom de museus na China e seus efeitos na paisagem sócio-política e cultura do país.

Como parte das exposição, o cineasta Moritz Dirks se reuniu com 16 renomados arquitetos chineses, entre eles Wang Shu, Dang Qun do MAD Architects e Zhu Pei do Studio Pei-Zhu, para discutir os desafios de criar espaços culturais que se relacionem tanto com contextos globais e digitais do mundo contemporâneo, quanto com a forte herança e identidade cultural chinesas.

Assista, a seguir, às 16 entrevistas.