Ampliar imagem | Tamanho original
A reforma de um edifício em uma fazenda, que uma vez fora usado como estábulo e celeiro, tornou-se uma oportunidade para reinventar, de uma forma contemporânea, um edifício fortemente ligado à tradição agrícola local. O projeto tem como objetivo transformar o edifício existente em uma casa para uma família, preservando todas as partes não excessivamente danificadas. A fachada em pedra, ao norte, foi reforçada e as paredes de tijolos foram restauradas. A fachada sul é caracterizada pelo pilar de tijolos original e por treliças de madeira que lembram as prateleiras tradicionais usados para secar feno e milho. O alinhamento da fachada sul com os edifícios adjacentes modificou a entrada definida pelas treliças de madeira. Agora, no espaço vazio de pé direito duplo, há um pequeno jardim privado que funciona como um filtro entre o pátio e a entrada principal da casa. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar