Ampliar imagem | Tamanho original
O projeto EDISON LITE propõe um novo modelo de habitação, baseado em três princípios fundamentais: a criação de unidades habitacionais sob medida, nas quais os futuros residentes podem participar na elaboração do briefing e no projeto de seu apartamento; a disponibilização de 20% da superfície extra, definida e compartilhada entre todos, permitindo o acesso a espaços e instalações que de outra forma não estariam à disposição dos habitantes individuais; e o acolhimento dos moradores numa paisagem existente, cultivada já durante as obras. O projeto arquitetônico contempla 75 m³ de jardim, divididas entre 290 floreiras e um amplo terraço de 150 m² na cobertura. As plantas tiveram tempo de se estabelecer e crescer antes da chegada dos residentes. Desta forma os moradores foram recebidos em um ambiente natural já estabelecido, pelo qual terão responsabilidade de cultivar. O projeto propõe um modo de vida 'permacultural', no qual os moradores irão produzir parte de seus próprios alimentos, com a experiência de ver os alimentos crescerem. A estratégia é uma forma de incentivar os habitantes a participar do esforço coletivo, de forma a instigar os demais concorrentes e reduzir a oferta, servindo de exemplo para que mais sigam em direção a uma paisagem de permacultura comestível, o mais próximo possível de casa. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar