Ampliar imagem | Tamanho original
A história da infraestrutura hidráulica da Cidade do México remonta a época pré-colombiana, quando os Astecas estabeleceram seus primeiros assentamento as margens lago Texcoco. Com o passar dos séculos, muitos dos históricos canais que antes dominavam a paisagem do planalto central mexicano foram desaparecendo, transformados em valetas, canais de drenagem ou esgoto. Por este motivo, em 2019 a Cidade do México propôs um amplo projeto de revitalização e resgate de algumas destas importantes estruturas urbanas na tentativa de reverter a paulatina decomposição do tecido urbano e social da capital mexicana. Esta estratégia fomentou o desenvolvimento de uma série de pequenos projetos, estimulando o surgimento de novos espaços públicos que visam promover a qualidade de vida dos moradores da cidade e preencher os “vazios” urbanos deixados pela expansão urbana predatória. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar