Ampliar imagem | Tamanho original
Quatro meses separaram o início do projeto e o final da obra de reforma deste restaurante. O limite de custos estabelecido para a intervenção, o prazo curto exigido para a obra e a similaridade de programa com a antiga casa nos levou a estabelecer a estratégia de reutilizar o máximo do antigo imóvel. Nos interessava maximizar a possibilidade de conexão entre a rua frontal e o jardim público nos fundos da loja (conectado à superquadra residencial) e reforçar a ideia do seu interior como continuidade do espaço público, além “filtrar” a poluição visual da rua para dentro do imóvel. O espaço físico do foi alterado através da criação de um anexo em estrutura metálica nos fundos da loja que amplia a área dos salões de mesa e abriga o novo acesso por escada ao primeiro pavimento. A infraestrutura bruta de cozinha e balcões de atendimento foi mantida, assim como os banheiros. Todos os revestimentos existentes foram retirados, com exceção do piso original de madeira no pavimento superior. Somente as áreas onde o revestimento era essencial para seu funcionamento (preparo e montagem de alimentos, balcões e parte dos assentos fixos) foram revestidas novamente. O restante dos rebocos e revestimentos de tetos e paredes permaneceu demolido, deixando à mostra trechos de instalações aparentes e todas as imperfeições da construção original. A “verdade” dos materiais descobertos na obra tem relação com a proposta do novo restaurante: utilizar ingredientes simples e naturais e manter visível todo o processo de preparo da comida. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar