Ampliar imagem | Tamanho original
Este projeto trata de uma casa suburbana em Kuala Lumpur, na Malásia, de propriedade de uma jovem família que solicitou uma intervenção mínima. A abordagem foi repensar uma forma adequada a uma casa de esquina e reutilizar os espaços de estar no nível do solo. O projeto traz simplicidade, mas também ousadia, contrastando com o tecido existente de casas suburbanas tropicais. Em relação à planta antiga, os espaços de convivência eram orientados paralelamente ao limite do terreno, resultando em uma “interrupção” entre os espaços originais e novos. O “intervalo” triangulado atua como um poço de luz ventilado e seguro, resfriando os dois lados naturalmente. Um telhado em arco se estende para fora, criando um anexo abobadado que forma os espaços de convivência. O espaço parece contínuo através da extensão do arco e exagerado ainda mais através da materialidade do acabamento de concreto do chão ao teto. A extensão é reforçada por duas grandes portas que se abrem para o jardim. A perspectiva ininterrupta de dentro para fora conecta imediatamente o interior à natureza. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar