Ampliar imagem | Tamanho original
Como os hospitais nos Estados Unidos estão começando a atingir sua capacidade máxima devido à pandemia do COVID-19, o Instituto Americano de Arquitetos lançou um guia que funciona como uma "ferramenta de avaliação de preparação" e destina-se a auxiliar profissionais da área da arquitetura e do design, que não trabalhem com infra-estrutura de saúde, na identificação de locais alternativos adequados para o atendimento. O AIA formou uma força-tarefa que desenvolveu a ferramenta usando as melhores práticas e padrões de projeto de saúde já consagrados, em combinação com documentos federais emitidos durante a crise. O guia fornece uma lista de verificação destacando áreas importantes a serem consideradas na avaliação de edifícios, como centros de convenções, arenas esportivas, centros comunitários, hotéis, dormitórios e outros espaços a serem usados para operações temporárias de assistência médica durante uma pandemia. A ferramenta destina-se a ajudar pessoas que não são especialistas em projetos de saúde a uma rápida avaliação de edifícios compatíveis para apoiar as operações de atendimento ao paciente; suprir as necessidades e a segurança da equipe de saúde e dos pacientes; e mitigar a propagação de doenças. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar