Ampliar imagem | Tamanho original
Estamos em Madri, Apodaca, uma antiga rua comercial que evoluiu graças às transformações de seus imóveis: um estúdio de tatuagem, espaços dedicados ao cuidado com o corpo, lojas de produtos ecológicos, restaurantes internacionais, antigas garagens transformadas em galerias e gráficas, etc. Um reflexo do que ocorre em diferentes escalas; definitivamente a evolução de um bairro, de uma rua, e até de uma forma de viver em um imóvel do século XIX. No projeto AP4, se combinam a nostalgia de um incêndio, a solidão de um idoso, e o ânimo do jovem proprietário em fazer parte de uma mudança. Uma reforma pensada como se fosse um sítio arqueológico, onde o martelo, o cinzel e as escovas se tornam as ferramentas para descobrir tudo o que estava escondido sob as cinzas. Seguindo este preceito, encontra-se a parede de tijolo que irá caracterizar a casa em torno do eixo longitudinal sobre o qual ela está organizada. Um antigo corredor que foi "recortado" utilizando estratégias simples e cuidadosamente pensadas, tais como divisórias que não chegam ao teto e deixam entrar a luz, peças de mobiliário que se tornam divisões entre espaços, mudanças constantes nas dimensões dos espaços que os tornam interessantes, ou mesmo destaques de cor como um aceno para o contemporâneo em oposição ao passado. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar