Ampliar imagem | Tamanho original
Parcialmente destruído por um incêndio em 2015, o Museu da Língua Portuguesa passou por longo processo de restauro e já tem data para reabrir suas portas: 27 de junho de 2020. O anúncio foi feito por autoridades estaduais e municipais nesta segunda-feira, 16 de dezembro, em visita ao local. Caso o cronograma seja mantido, o Museu será reaberto quase um ano depois do previsto; em 2018 a Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo havia anunciado a possível inauguração para o segundo semestre deste ano que se encerra.  Uma das partes mais danificadas pelo fogo foi a estrutura da cobertura em tesouras de madeira. A construção do novo telhado usou 89 toneladas (67 m³) de madeira certificada proveniente da Amazônia.  Antes de reabrir as portas deste que era um dos museus mais populares de São Paulo, o governo estadual deverá providenciar a instalação da museografia e a seleção da organização social responsável pela gestão. “Nós teremos aqui um Centro de Referência e Estudos da língua portuguesa. Então teremos não apenas uma área voltada ao público em geral, mas também um espaço para pesquisadores, estudiosos e outro para debates e seminários sobre a língua portuguesa e a diversidade cultural como temas principais”, disse o secretário de Cultura e Economia Criativa, Sérgio Sá Leitão.  Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar