Ampliar imagem | Tamanho original
Não é segredo que, desde a revolução industrial, as cidades começaram a crescer sem precedentes. As pessoas, movidas por melhores oportunidades de vida, deixaram o campo e aventuraram-se a viver em cidades que cresciam freneticamente ao ritmo do progresso. O México, um país com uma grande área rural, experimentou um crescimento semelhante durante e após a Segunda Guerra Mundial. Grandes edifícios foram construídos, vastos projetos habitacionais foram promovidos, cidades ex-novas foram criadas, políticas públicas foram aprovadas que promoveram o crescimento das cidades e, sem perceber, entramos plenamente na modernidade. Deixamos de ser um México do campo para nos tornarmos um México de Zonas Metropolitanas, que concentra quase 80% da população (segundo dados do censo do INEGI 2010). Após décadas de focalização das políticas públicas nos centros urbanos, decidiu-se virar para o campo para lhe retribuir um pouco do muito que nos tem dado. A convite do Centro de Pesquisas para o Desenvolvimento Sustentável (CIDS) do INFONAVIT, foram desenvolvidos projetos Open Source ou Creative Commons para analisar e comprovar que é possível desenvolver a habitação social rural de outra forma. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar