Ampliar imagem | Tamanho original
O projeto teve início em uma fase muito importante para a jovem família, que estava prestes a aumentar. Devido a este momento para os clientes, o lar da família também precisava expandir e se transformar, nos fazendo repensar toda a planta original. O apartamento de 230m² era composto por diversos pequenos ambientes com chanfros e cantos mal aproveitados, portanto o ponto de partida para o projeto foi demolir as paredes e integrar os ambientes ao seu máximo potencial. Pelo fato da sala estar em um nível diferente da cozinha e dos quartos, os ambientes ficam integrados, mas visualmente existe uma barreira, determinando a função de cada ambiente. A materialidade do projeto foi um ponto amplamente discutido e desenvolvido ao longo do processo e o resultado foi um meio termo entre tons claros e escuros e diferentes texturas introduzidas aos ambientes. Na sala de estar os tons claros predominam, onde o conforto e aconchego eram primordiais, resultando em um ambiente leve e clean. A estante é o elemento de transição entre a sala e a cozinha, suavizando os contrastes entre ambas, uma vez que os gabinetes em madeira ebanizada e a pedra cinza são os focos escuros do projeto. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar