Ampliar imagem | Tamanho original
No final de 2018, Maria Fradinho projeta e constrói o seu próprio escritório e casa, num terreno de 940 m2, localizado nos arredores da cidade de Ílhavo, em Portugal.O terreno situa-se “à porta” do lugar da Vista Alegre, lugar querido à arquiteta, e cujo nome que se deve à sua origem, a Fábrica de Porcelana da Vista Alegre, uma das indústrias mais importantes da região, e do país. É nesta fábrica que a autora se inspira, porque “aquele lugar assim o pedia”. Ela procura referências na arquitetura industrial para materializar a moradia como um corpo uniforme, revestido a materiais metálicos e onde o interior é independente do seu invólucro exterior. A casa do Arco segue a continuidade dos edifícios vizinhos, com a fachada a garantir o alinhamento com a consolidada pré-existência. Contudo, a mesma é estilizada para permitir a permeabilidade de luz e vistas, num jogo simbólico de associação à presença do Arco, que marca a entrada para o lugar da Vista Alegre. Este trabalho de depuração cria a "coroação" desta fachada, e assume-se como um desenho de qualquer criança - A minha casa! Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar