Ampliar imagem | Tamanho original
Uma pequena edificação em ruínas, originalmente utilizada para abrigar criações de gado, foi reformada para dar lugar a um estúdio privado dentro de um bairro linear no extremo sul do parque nacional North Yorkshire Moors. Foram conservadas as paredes, janelas e portas da edificação, pois sua modéstia disfarça o caráter transformado do espaço interior. No interior, uma coluna de concreto, localizada fora do centro dentro da sala, sustenta um canto do mezanino, e sobe para sustentar também parte do raio da cumeeira ao longo de seu vão. As peças do piso rotacionam em torno da base da coluna. Na parte posterior do espaço, há uma linha de estantes embutidas e acima dela, uma nova claraboia. O projeto foi completado por uma equipe de construtores do povoado vizinho: um pai e seu filho. O pai, mestre de obras, consertou as paredes de pedra monolítica existentes que logo foram lavadas com cal. O filho, carpinteiro, complementou toda a carpintaria em abeto, incluindo a nova estrutura do forro, janelas e portas, a cobertura e as estantes para os livros. Os dois trabalharam juntos para construir a grande coluna de concreto. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar