Ampliar imagem | Tamanho original
Foram oito longos e prósperos anos desde que a primeira parte do High Line foi inaugurada em 2009. Como uma peça proeminente da identidade arquitetônica e urbana de Nova Iorque, não é de se admirar que tenha sido premiado com o Harvard GSD Veronica Rudge Green Prize in Urban Design, que reconhece os esforços contínuos dos Friends of the High Line para sua adaptabilidade ao contexto em mudança do parque e seu apoio desde o início pela excelência projetual. O júri foi particularmente tocado pelo projeto multidisciplinar entre James Corner Field Operations, Diller Scofidio + Renfro e Piet Oudolf, abrangendo os domínios público e privado como modelo de design colaborativo. Também foi comentado sobre a relevância social e política do High Line para salvar um pedaço da história americana da ruína e interagir através de programas de divulgação da comunidade e uma disseminação mais ampla para cidades em todo os EUA. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar