Ampliar imagem | Tamanho original
Mazatlán é uma cidade na costa do Pacífico que possui um clima úmido e temperaturas elevadas em grande parte do ano, condições que convidam a pensar em uma arquitetura que, a princípio, enfrente o clima e considere o alto grau de salinidade do local. A estratégia para essa escola baseia-se em minimizar o impacto do calor nas salas de aula; isso sem perder iluminação natural e a relação com o exterior, como também utilizar materiais e sistemas construtivos que são pouco propensos a corrosão.  Dado que o projeto está localizado em um terreno com somente uma fachada voltada para a cidade, é possível estabelecer as condições e desenvolver uma paisagem controlada no interior. Como uma espécie de pequena comunidade para as crianças, introspectiva dentro dos seus próprios pátios.  O modelo Montessori não é um sistema convencional de educação, as salas de aula devem propiciar dinâmicas onde as crianças possam experimentar e despertar seus sentidos. A forma da sala de aula deve favorecer essas dinâmicas, por isso, o espaço recomendado não deve ser linear, mas sim, centrífugo.  Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar