Ampliar imagem | Tamanho original
Sete dias após a notícia da perda de um dos arquitetos mais influentes e peculiares do século XX, Robert Venturi, reunimos alguns exemplos estranhos, engraçados e bizarros de "patos" arquitetônicos.  Cunhado por Robert Venturi e Denise Scott Brown em Aprendendo com Las Vegas, “patos” são edifícios que projetam seu significado de maneira literal.[1]. Não existem metáforas arquitetônicas aqui - eles são exatamente o que se parecem. Muitos deles emergiram ao longo de rodovias estaduais, um solitário donut ou dinossauro pontuando rodovias estadunidenses. Locais como Las Vegas e Macau construiram sua identidade no kitsch e linguarem literal da arquitetura – com os patos sendo forte contribuintes. Embora sejam relegados para uma das estranhas incursões da era pós-moderna, os patos ainda fazem aparições atuais (como a Apple Store de Chicago e a recente cobertura de Macbook). Seriam eles divertidos, cafonas ou simplesmente feios? Ame ou os odeie, patos tem uma presença leve em nossa história arquitetônica. Abaixo estão 9 bizarros e maravilhosos exemplos de edifícios que não fazem apologias em serem exatamente o que são: Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar