Ampliar imagem | Tamanho original
A geografia do Irã consiste em grande parte de um planalto central do deserto, cercado por serras. Devido ao fato do país ser coberto principalmente por terra, areia e rocha, a arquitetura iraniana faz intenso uso de elementos de tijolo ou adobe. A maioria dos edifícios vistos em cidades maiores, como Teerã e Isfahan, são construídos usando métodos de amarração de tijolos similares, como pode ser visto em outras partes do mundo, mas certas construções, normalmente aquelas que datam mais atrás, apresentam incríveis tesouros geométricos. E não pára por aí - antiga arquitetura iraniana muitas vezes apresenta uma camada de azulejos sobre as construções de tijolos que podem criar maravilhas geométricas. A arte de criar complexidade usando elementos incrivelmente simples foi dominada pela arquitetura iraniana. Em um mundo arquitetônico onde a construção se tornou oculta por camadas de gesso e madeira compensada, poderíamos aprender muito com a beleza da geometria estrutural do Irã, onde a pele e a estrutura são (quase sempre) a mesma coisa. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar