Ampliar imagem | Tamanho original
Deslocar um cemitério não significa apenas o transporte é túmulos, mas igualmente a memória e rituais consolidados ao longo do tempo. A figura regular e geométrica do antigo cemitério, que segue a pendente do solo, é reproduzida. As proximidades entre túmulos são mantidas como elementos de reconhecimento local, bem como a sua orientação, a fim de manter condições de luz e sombra, associadas para rituais de visita. As quatro partes que organizam a estrutura do antigo cemitério, e que descrevem sua história de crescimento, são preservadas como plataformas adaptadas ao novo relevo, que permitem a drenagem de águas pluviais. Os 24 tipos de túmulos identificados são mantidos. O conjunto destes elementos estabelecem um imaginário transportado para uma nova topografia, como um tapete enorme materializado em um pavimento feito de pedaços de resíduos de mármore branco. Este pavimento grosso e brilhante dá corpo ao cemitério. Entre este tapete mineral e as longas paredes brancas, emerge um intervalo de terra onde os ciprestes são plantados. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar