Ampliar imagem | Tamanho original
A Getty Foundation, instituição norte-americana com sede em Los Angeles dedicada a expandir o conhecimento e preservar as artes visuais em todo o mundo, concede anualmente, desde 2014, um auxílio financeiro a obras modernas com o intuito de ajudar na preservação do patrimônio moderno edificado. Intitulada "Keep it Modern", a iniciativa já direcionou fundos à preservação de obras como o Sanatório Paimio (Alvar Aalto), a Casa Eames, o Campus do Salk Institute (Louis Kahn), a Opera de Sydney (Jørn Utzon), a FAU-USP (Vilanova Artigas), o Pavilhão Arthur Neiva (Jorge Ferreira),a Casa Schröder (Gerrit Ritveld), entre outros edifícios emblemáticos do movimento moderno. Este ano, entre as obras selecionadas a receber o fundo, está a Casa de Vidro, de Lina Bo Bardi, construída em 1951 em São Paulo. O Instituto Lina Bo e P.M. Bardi receberá a quantia de US$ 195.000 (aproximadamente R$637 mil) para realizar "um plano de manutenção preventiva baseado em pesquisas técnicas especializadas para evitar um futuro incerto de intervenções de emergência e reparos pontuais. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar