Ampliar imagem | Tamanho original
A casa foi projetada para se tornar uma residência fixa de uma família de três pessoas, construída na proximidade imediata do escritório de arquitetura em Caviano no Lago Maggiore. Sob os termos de adequada densificação arquitetônica o novo espaço de estar deveria ser criado na área remanescente de 128 m², no mesmo terreno que foi construído o escritório de arquitetura em 1981, sem danificar as qualidades existentes. Pelo contrário, o enriquecimento da situação espacial externa deveria ser gerado com densificação razoável no contexto dos edifícios existentes. As regulamentações urbanas determinaram a forma externa do edifício, o que frequentemente acontece quando se constrói em terrenos remanescentes. As distâncias mínimas para a rua, para a floresta, para o escritório de arquitetura assim como o direito de construir no limite com o vizinho a sudoeste, criaram um pentágono irregular de 79 m² de área total. Um retângulo de 48 m² que compõe o interior isolado foi integrado à esta forma irregular. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar