Ampliar imagem | Tamanho original
Em Baena, Córdoba, o restauro de seu Castelo - originário do século XII - adquiriu uma envergadura própria dos maiores projetos em destaque de recuperação arquitetônica. O granadino José Manuel López Osorio foi o arquiteto responsável por liderar e planejar todo o processo que, como ele mesmo coloca, "busca uma visão integradora do patrimônio que considera, tanto a consolidação e a valorização das estruturas históricas, quanto a capacidade de se integrar aos processos globais de revitalização dos setores urbanos onde se localiza.". Para ele, o projeto abordou a recuperação das estruturas já existentes em uma primeira fase, incorporando novos elementos que possibilitam seu uso em uma segunda fase. É neste ponto que López Osorio confiou plenamente no trabalho, experiência e especialização do Grupo GUBIA - escritório de arquitetura líder no projeto e construção de todo tipo de espaço e estrutura em madeira para resolver termicamente um sistema "experimental" de passarelas de madeira de iroco com as quais se conecta as diversas torres das ruínas.  Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar