Ampliar imagem | Tamanho original
Milão é a cidade que melhor representa a face internacional da Itália, comparável a Londres, Frankfurt ou Paris. Ao contrário de muitas cidades hisóricas italianas, Milão está mais relacionada ao seu desenvolvimento no século XIX e XX, mais precisamente após a revolução industrial. Neste sentido, o desenho de Milão é mais contemporâneo, composto de fábricas, metrôs, concreto e aço, e não tanto de particulares presenças históricas. Uma testemunha é o fato de que o movimento futurista se desenvolveu principalmente em Milão, um movimento criado para responder às questões da cidade contemporânea. O movimento não teve um relacionamento particularmente importante com as grandes obras-primas existentes, mas sim uma reflexão sobre os temas da cidade contemporânea. Para desenvolver o projeto, imediatamente pensamos que não seria interessante contar com um único arquiteto para o projeto de todo o complexo, mas sim iniciar um diálogo. Devido ao tamanho da área, decidimos reinterpretar a complexidade da cidade através de muitos arquitetos, o que gerou a ideia de edifícios com diferentes formas e materiais. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar