Ampliar imagem | Tamanho original
Imagine um futuro no qual todas as divisões da Terra não existam mais: os países foram abolidos, as fronteiras dissolvidas e os governos derrubados. Esse é o planeta para o qual "Civilization 0.000", trabalho de mestrado de Dimo Ivanov, da RWTH Aachen University, foi projetado. Prevendo um futuro livre de "divisões artificiais", onde os recursos da terra são medidos e compartilhados segundo as necessidades humanas, o projeto proproe uma série de arranha-céus interligados, ou "Unidades 0.000" que aproveitam os recursos locais. Cada uma dessas unidades assume uma das seis funções básicas: habitação, educação, gestão de recursos, produção, armazenamento de energia e geração de energia. As funções são determinadas pelo ambiente onde as unidades estão instaladas. Inspirado na noção de economia baseada em recursos, de Jacque Fresco, Civilization 0.000 responde ao que Ivanov descreve como "nossa estrutura social atualmente dominante - a chamada cultura consumista... Um sistema que busca o lucro e não a sustentabilidade." Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar