Ampliar imagem | Tamanho original
A Residência Slate foi concebida como uma instalação in situ que revela uma paisagem preexistente. Considerada como uma reconfiguração completa da área, o projeto utiliza a residência como um dos componentes de um todo maior. Situada em Laval, subúrbio de Montreal, o espaço é um terreno residual em uma nova subdivisão de terras históricas. O projeto mantem as características anteriores a esta divisão, incluindo topografia natural, um pequeno córrego e um bosque de caducifólios maduros. Rodeado por lotes cujos terrenos foram modificados para construir moradias, o projeto propõe uma alternativa: a conservação e melhora da paisagem histórica do local e a reafirmação da memória territorial e agrícola. A Residência está em agudo contraste com as moradias das vias que a rodeiam. Orquestrando um descobrimento progressivo da rua suburbana até o pátio interior do bosque e o córrego, a residência é um oásis protegida em um entorno campestre único. Dois volumes ortogonais emolduram o pátio e a mudança natural da rua até o córrego, servindo para deslizar o pavimento inferior abaixo do nível principal. Ambos pavimentos abrem-se lateralmente em direção ao pátio, ao córrego e a o sol sudoeste. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar