Ampliar imagem | Tamanho original
Situado em pleno centro de Zaragoza, na base de um edifício residencial anteriormente ocupado por uma estação de ônibus, o local que está o centro Liang Xin dispõe de uma fachada voltada para a rua e de uma área interna que se estende até o interior da quadra. É o primeiro centro Liang Xin fora da Malásia, uma arquitetura de tons escuros, baseada na penumbra e no silêncio do espaço vazio e na articulação dos percursos internos e atenta aos diferentes graus de opacidade dos materiais. Neste sentido, a nova fachada é feita em cobre: suas qualidades como material natural que se modifica com o passar do tempo, matizando seus tons e reflexos iniciais, se unem às possibilidades de perfurações a partir de padrões pixelizados, frutos da tecnologia digital. Este processo permite integrar em um único material tanto os elementos de identidade gráfica como as imagens que simbolizam os quatro conceitos presentes na filosofia de Liang Xin desde suas origens - relaxamento, liberdade, harmonia e generosidade - evitando a superposição de materiais e reivindicações habituais neste tipo de projeto. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar