Ampliar imagem | Tamanho original
O edifício desafia a ideia convencional de como uma casa deve ser. Os 16 apartamentos se fundem como ilhas numa volume com limites claramente definidos. A forma se adere aos contornos do terreno existente, respondendo ao longo da inclinação com ângulos oblíquos diferenciados. Através da escolha dos materiais o volume surge como parte da colina Bruggerberg. Oito estruturas de apartamentos de 4,5 e 5,5 ambientes estão dispostos ao longo dos lados leste e oeste de uma escada central. A planta principal de cada pavimento possui terraços de piso ao teto em toda a sua amplitude. Os apartamentos opcionalmente podem ser separados por paredes leves. A garagem no térreo serve como uma barreira contra o ruído para a rua principal. Nos outros níveis, os corrimões robustos dos terraços geram áreas de estar tranquilas e privadas, ao ar livre. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar