Ampliar imagem | Tamanho original
A hora de projetar a sua própria residência é sempre um momento de muitas perguntas. Uma situação onde muitas condicionantes estão em jogo. Pode-se projetar sem a presença e as interferências do cliente. Está ali a oportunidade de se por no papel tudo em que se acredita, de materializar discursos e até, de ser cobaia das próprias ideias. No projeto dessa casa, optei por projetar espaços entes das formas que seriam organicamente equilibradas com o decorrer do processo. O traço inicial veio a quatro mãos, riscando despretensiosamente um croqui, junto com minha mulher. Como era desejado pelo nosso estilo de vida, mais reservado, gostaríamos de ter uma casa onde os ambientes se voltassem não para o exterior, mas sim para um pátio interno, onde teríamos a privacidade e a intimidade aspiradas. Desse modo, foi escolhido um terreno de esquina com frentes poente e norte, restando assim as faces leste e sul, de melhor ventilação, no interior do lote, para onde estariam voltados todos os ambientes da casa. Dessa forma as fachadas voltadas para a rua são mais opacas, o oposto das superfícies abertas e transparentes que estão voltadas para o pátio interno. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar