Ampliar imagem | Tamanho original
Contexto Situado em Chã de Lamas (Vascões, Paredes de Coura) o Centro ambiental, Edifício sede da Paisagem Protegida do Corno de Bico, foi inserido no conjunto da antiga “Colónia Agrícola da Boalhosa”, obra da Junta de Colonização Interna em finais dos anos 50 do séc XX. A colónia constitui um exemplo raro de grande qualidade de planificação residencial e paisagística no meio rural. Do Projecto inicial da Colónia foram construídas as casas dos Colonos, o Forno Comunitário, a Escola e a Casa do Professor, tendo ficado a igreja por construir.  Premissas O projeto do CEIA tem como base uma estratégia de recuperação de todo o conjunto através de uma análise do projeto dos anos 50, da análise factual dos edifícios existentes, propondo uma ocupação e implantação de novos volumes através de analogias funcionais e de forma a interferir o mínimo possível na imagem global da colônia. Os novos volumes propostos relacionam-se sempre com os existentes através de pequenas passagens que fazem a transição entre eles, mantendo sempre distâncias que possibilitem a leitura individual de cada volume, assim como a leitura conjunta dos dois edifícios preexistentes para quem chega de sul. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar