Ampliar imagem | Tamanho original
O Mies Crown Hall Americas Prize (MCHAP) anunciou na noite de ontem os sete finalistas escolhidos de uma lista preliminar de 36 projetos. O evento aconteceu em Santiago, Chile. Para escolher os finalistas os cinco membros do júri - Francisco Liernur, Sarah Whiting, Wiel Arets, Dominique Perrault, e Kenneth Frampton - passaram os últimos doze dias visitando os projetos, conversando com os arquitetos, usuários e proprietários dos espaços e promovendo intensos debates acerca das obras. Como notou Dominique Perault, "Há muitos modos de avaliar os projetos - modelos, desenhos, imagens - e nós aproveitamos todas as oportunidades para testar a qualidade das arquiteturas. Ao fim, apenas visitando os projetos é que se pode sentir o 'toque de deus' - a presença do edifício em seu contexto." A lista de finalistas mostra bastante variedade - em termos de escala, lugar, tipologia, programa, materiais, etc. - tornando a escolha do vencedor ainda mais desafiadora. Veja os sete finalistas a seguir, dentre os quais a Fundação Iberê Camargo em Porto Alegre, de Álvaro Siza. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar