Ampliar imagem | Tamanho original
A paisagem ao redor do vilarejo de Hinzert é um idílio em uma paisagem típica do interior da Alemanha, caracterizada por colinas suaves e campos utilizados pela agricultura. Não há traços originais se referindo ao seu uso entre 1939 e 1945, quando o local era um campo especial para prisioneiros políticos de mais de 20 países. O projeto premiado de Wandel Hoefer Lorch + Hirsch questiona as deformações políticas e territoriais da paisagem: um centro de documentos, incluindo arquivos, biblioteca de pesquisa, seminários e espaços de exposição. Os arquitetos, celebrados internacionalmente pela sua nova sinagoga em Dresden, continuam com este novo projeto, seu interesse específico na relação entre as estratégias de material e seu potencial conceitual. Os arquitectos desenharam um projeto pouco convencional que combina perfeitamente intuição e estratégias de desenvolvimento racional. A estrutura de 43 metros de comprimento, ocupa um declive suave, subindo 2-7 metros de altura. A estrutura única, telhado e fachada consiste de mais de três mil diferentes placas triangulares de 12 milímetros de aço Corten. Estes foram soldadas em uma oficina para formar 12 elementos de grande porte que foram montados no local. Os ângulos entre os painéis individuais foram calculados para assegurar que os elementos tivessem uma altura estrutural adequada, e que toda a construção formssea uma placa rígida dobrada. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar