Ampliar imagem | Tamanho original
Um elemento destoa da solidez da fachada da frente, uma caixa de vidro no lado direito abriga a escada em balanço com vista voltada para o norte do terreno, configurando-se como um momento de transição entre o térreo e área de estar elevada. A sala de estar com pé-direito duplo se abre ao terreno através do pano de vidro da fachada oeste. A residência e galeria de arte está localizada num terreno de 3,2 hectares. Uma grande via dá acesso ao patamar em que a casa está situada, configura um generoso jardim que recebe a piscina e diversas esculturas site-specific. A residência exibe uma vasta coleção de peças de arte contemporânea de seu proprietário. O projeto trabalha sobre três faixas funcionais e um eixo X-Y de circulação. Duas entradas nas fachadas principais no eixo de circulação horizontal (X) interior-exterior, e os diferentes conjuntos de escadas no eixo de circulação vertical (Y) interior. As três faixas dividem as funções da casa e configuram espaços de circulação pública e os espaços privados. As duas faixas laterais recebem os espaços mais amplos da casa. A faixa central, mais estreita, recebe as áreas de serviços. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar