Ampliar imagem | Tamanho original
A Vertical Glass House foi projetada por Yung Ho Chang como uma proposta para a Competição Anual de Residências Shinkenchiku, organizada pela revista Japan Architect em 1991. Na ocasião, Chang recebeu menção honrosa pelo projeto. Vinte e dois anos depois, em 2013, a West Bund Biennale of Architecture and Contemporary Art decidiu construir a casa como um de seus pavilhões permanentes. A Vertical Glass House é um protótipo de residência urbana e discute a noção de transparência na verticalidade, ao passo que também serve como crítica à transparência modernista horizontal ou à casa de vidro que sempre se abre para a paisagem sem proporcionar privacidade. Este projeto, ao deslocar a noção da clássica casa de vidro, se torna, por um lado, espiritual: com paredes fechadas e pisos e cobertura transparentes, a casa se abre ao céu e à terra, posiciona o habitante entre ambos e cria um lugar para meditação. Por outro lado, a Vertical Glass House é material: a transparência vertical conecta visualmente todas os ambientes, instalações e mobiliário dos diferentes níveis, bem como a escada, em um sistema de domesticidade e proporciona outra leitura da teoria moderna da "Arquitetura como um máquina de morar." Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar