Ampliar imagem | Tamanho original
Espaço Nós. Esse é o nosso nome para esta área comum no centro do edifício. É um lugar que une as pessoas. Dos pisos de concreto esculpimos um vazio de 14 metros de altura, que abriga uma escada gigante que corta linhas diagonais através do vazio, uma vez que faz o seu caminho para cima, ligando os diferentes andares uns aos outros. Agora, as pessoas estão em movimento, fazendo o seu caminho, indo e voltando sobre os degraus de madeira. Alguns deles permanecem para uma conversa, e há espaço nos degraus largos para se sentar por um momento. O som da conversa e o aroma do café do Café abaixo agora enchem o salão. A maior parte do espaço de escritórios já foi alugado, trazendo o prédio de volta à vida mais uma vez. De Burgemeester fazia parte da "nuvem" de modelos de espuma azul em exposição no pavilhão holandês na Bienal de Arquitetura de Veneza 2010. Em uma exposição intitulada Vacant NL, o pavilhão abrigou um grande modelo que mostrava todos os prédios desocupados na Holanda. A exposição se mostrou conflituosa pela forma como ela capturou a escala do espaço vazio e tornou-o visível à primeira vista, e para a conclusão expressa: a era do crescimento está terminada, e quase nada mais precisa ser construído. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar