Ampliar imagem | Tamanho original
O projeto refere-se a um edifício administrativo que abrigará a sede da delegação e os serviços da Junta de Castilla y León, em Salamanca, com o intuito de melhorar o desempenho, reduzir custos e simplificar a manutenção. O edifício está situado em um bairro residencial periférico no leste da cidade, em um terreno trapezoidal íngreme, cercado em dois lados por um longo paredão com aberturas, proveniente dos edifícios habitacionais pré-existentes no perímetro. Em sua parte inferior, ao sul, faz fronteira a um parque público e com uma rua a partir da qual é realizado o percurso do pedestre e de veículos. Decidiu-se projetar um edifício isento que potencialize sua natureza, alcançando ótima funcionalidade e flexibilidade. O edifício é alinhado a rua e ao parque e separa-se das moradias estabelecidas através de um jardim perimetral que serve como uma barreira vegetal, capaz de melhorar a vista e a privacidade dos usuários, além da imagem urbana do conjunto. No extremo sul situa-se uma creche e um auditório, que como um jardim esculpido renuncia a sua presença criando um jogo de volumes e pátios subterrâneos que evitam competir com o grande volume do bloco administrativo. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar