Ampliar imagem | Tamanho original
O edifício surge de uma planta em U que configura uma área central com vistas ao rio Cherwell. Apresenta pilotis e mais quatro pavimentos. Cada um avança ou retrocede em relação ao outro, configurando fachadas escalonadas e inclinadas. O último pavimento é o único de limites ortogonais: para enfatizá-los, seu pé-direito é duplo. A fachada perimetral é opaca e marcada pelo tijolo aparente. Estreitas fitas contínuas de esquadrias definem cada pavimento. Nesta fachada, os três primeiros pavimentos apresentam uma inclinação contínua e uniforme. A fachada do pátio interno é escalonada e inclinada: cada um dos quatro pavimentos retrocede em relação ao inferior. O vidro e sua modulação enfatizada pelas persianas internas predomina nesta fachada. A estrutura principal do edifício fica evidente no pilotis: pórticos de concreto armado formados por dois pilares inclinados para o lado interno, unidos por uma viga horizontal. São mais largos que o edifício. Na fachada do patio interno, aparecem completamente à mostra, criando a impressão de que o edifício simplesmente descansa sobre eles. Na fachada perimetral, um dos pilares avança ao nível superior, penetrando o edifício. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar